Notícia Copa do Nordeste

Clássico entre Santa Cruz e Sport termina em confusão nas ruas do Recife


Publicado em 04.05.2017 , às 07:10 / Atualizado em 04.05.2017 , às 08:15

Por TV Jornal

Reprodução/TV Jornal

O Clássico das Multidões, entre Santa Cruz e Sport, teve confusão dentro e fora de campo. O jogo acirrado, que teve expulsão de quatro jogadores, faltas duras e provocações entre os atletas, teve reflexo nas ruas do Recife. Após o apito final, torcedores se enfrentaram na Avenida Agamenon Magalhães, na altura do bairro de Santo Amaro, no Centro da cidade, na madrugada desta quinta-feira (4).

Um suposto torcedor do Sport foi espancado por supostos torcedores do Santa Cruz. A vítima, que ainda não foi identificada, é da comunidade do Campo do Onze e foi espancada por moradores da comunidade da Joana Bezerra, também na área central.

O rapaz ficou agonizando na beira do canal até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Mais confusão

Instantes depois, a torcida do Sport que esteva no estádio do Arruda, e vinha sendo escoltada pela Polícia Militar, entrou em confronto ao passar pela comunidade da Ilha de Joaneiro. Os PMs reagiram usando bombas de efeito moral e tiros de borracha.



Um torcedor chegou a ser espancado. Depois de vários tiros, a situação foi controlada e a escolta dos torcedores continuou até o Cais de Santa Rita, na área central do Recife. Uma ambulância do Samu socorreu um rapaz que ficou ferido para o Hospital da Restauração (HR). Até o fechamento desta matéria, ninguém foi preso.

O jogo

O Sport reverteu a desvantagem e vai à final da Copa do Nordeste após vencer o Santa Cruz por 2 a 0 na noite desta quarta-feira (3), no Arruda. Os rubro-negros abriram o placar aos 16 minutos, com Ewerton Felipe, e concretizaram a vitória com o fim do jejum do atacante André, que marcou no segundo tempo.


Veja Também