Notícia Trânsito

Videomonitoramento de trânsito começa a funcionar em Paulista


Publicado em 13.09.2017 , às 20:30

Por JC Online

Divulgação / Prefeitura de Paulista

Já está funcionando, em caráter de testes, o sistema de videomonitoramento de trânsito no município do Paulista, Região Metropolitana do Recife. As câmeras utilizadas pelo Centro Integrado de Segurança (CIS) passaram a ser usadas desde o dia 1º de setembro para coibir infrações de trânsito e prevenir acidentes.

Até sexta-feira (15), os condutores que cometerem infrações não serão autuados. O período será utilizado para divulgação, ações educativas e adaptação da população. "O objetivo principal é o ordenamento do trânsito da cidade e a redução de acidentes. Em caso de acidente de trânsito o atendimento vai ser com maior brevidade, acionamento do SAMU em caso de ocorrência, a melhoria vai ser neste sentido", explica Renato Cândido, diretor de trânsito do município.

Por enquanto, sete dos 16 equipamentos existentes nas vias serão utilizados pelos agentes de trânsito para registrar infrações como estacionamento irregular, conversão em local proibido, fila dupla, motociclistas sem capacete ou realizando manobras perigosas. Todos os pontos de fiscalização - seis equipamentos no centro da cidade e um no bairro de Paratibe - estão sinalizados com o aviso: “fiscalização de trânsito por videomonitoramento”.



Autuações

A partir do dia 16 de setembro, os condutores flagrados cometendo alguma infração de trânsito serão multados. “É bom lembrar que a fiscalização através das câmeras está permitida desde 2015, como prevê a resolução 532 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Em Paulista, a partir do dia 16 deste mês, vamos começar a punir os motoristas que não respeitam nem o trânsito nem o pedestre”, conta Cândido.

Pontos de fiscalização eletrônica

Dos sete pontos de fiscalização com auxílio de videomonitoramento, seis são no Centro e um no bairro de Paratibe. São eles:

1 – Avenida Marechal Floriano Peixoto, em frente à Prefeitura do Paulista;

2 – Bifurcação entre as ruas Floriano Peixoto e Getúlio Vargas, em frente à Esposende;

3 – Rua Siqueira Campos (via do comércio), no cruzamento da Rua Pompeu José da Silva;

4 – Rua Siqueira Campos, no cruzamento com a Rua Coronel Alberto Lundgren (antiga Rua do Abacaxi);

5 – Rua Francisco Santiago da Costa, próximo ao Banco do Brasil;

6 – Rua Francisco Santiago da Costa, em frente à Agência do Trabalho; 

Paratibe

7 – Avenida Lindolfo Collor, em frente à Praça da Liberdade, no acesso ao Mercado Público do bairro


Veja Também