coronavoucher

Economista explica os motivos para adiamento da 2ª parcela do auxílio de R$ 600 e orienta população

Muitas pessoas ficaram com dúvidas sobre o recebimento do auxílio emergencial 

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 23/04/2020 às 16:32
Bruno Campos  TV Jornal
FOTO: Bruno Campos TV Jornal
Leitura:

As filas nas agências da Caixa Econômica Federal não param de crescer. O movimento, que já vem sendo intenso, ficou ainda pior com a notícia que o Governo Federal adiou o pagamento da 2ª parcela do auxílio R$ 600, que deveria ter começado a ser pago na quarta-feira (22). Com isso, muita gente foi às agências em busca de informações.

De acordo com o Governo Federal, fatores legais e orçamentários impedem a antecipação do pagamento que por enquanto ainda não tem data definida. De acordo com a Caixa, as dúvidas devem ser retiradas pelo site ou através do número 111.

>>>Antecipação de segunda parcela do auxílio de R$ 600 é cancelada<<<

Calendário de pagamento

As pessoas inscritas no Bolsa Família continuarão a receber no calendário tradicional de pagamento do programa, nos últimos dez dias úteis de abril, de maio e de junho.

Quarta-feira (22):

1.924.261 pessoas das 1.358.166 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 4

Quinta-feira (23):

1.922.522 pessoas das 1.356.938 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 5

Sexta-feira (24):

1.919.453 pessoas das 1.354.772 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 6

Segunda-feira (27):

1.921.061 pessoas das 1.355.907 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 7

Terça-feira (28):

1.917.991 pessoas das 1.353.741 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 8

Quarta-feira (29):

1.920.953 pessoas das 1.355.831 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 9

Quinta-feira (30):

1.918.047 pessoas das 1.353.780 de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 0

Saque em espécie

Para evitar aglomerações nas agências e unidades lotéricas e evitar a transmissão do coronavírus, a Caixa fez um calendário especial para o saque do auxílio de R$ 600.

Os recursos creditados na poupança digital podem ser utilizados por meio do app CAIXA Tem para pagamentos e transferências, entre outros serviços. Quem indicou conta bancária anterior ou vai receber os R$ 600 em substituição ao Bolsa Família não tem restrição para saque.

Segue o calendário de saque em espécie da poupança digital sem cartão nos canais de autoatendimento e lotéricas:

  • 27 de abril – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 28 de abril – nascidos em março e abril
  • 29 de abril – nascidos em maio e junho
  • 30 de abril – nascidos julho e agosto
  • 04 de maio – nascidos em setembro e outubro
  • 05 de maio – nascidos em novembro e dezembro

Critérios para receber

  • Para ter acesso ao auxílio emergencial, a pessoa deve cumprir, ao mesmo tempo, os seguintes requisitos:
  • Maior de idade - ser maior de 18 anos de idade
  • Não ter emprego formal - destinado para trabalhadores autônomos com rendas informais, que não seja agente público, inclusive temporário e nem exercendo mandato eletivo
  • Não ser beneficiário - não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família
  • Renda familiar - renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00)
  • Rendimentos tributáveis - não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70
  • Estar desempregado ou exercer as seguintes atividades - exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI) ou ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS) ou ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico)

Mais Lidas