Feminicídio

Mulher morre queimada após marido tocar fogo em seu corpo

O homem contou que não sabia da gravidez da mulher e disse não estar arrependido

Karina Costa Albuquerque
Karina Costa Albuquerque
Publicado em 23/09/2019 às 7:58
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Um homem matou a mulher queimada no bairro de Santo Amaro, na área central do Recife. A informação dos parentes da vítima, é que Samara da Costa Mendes, 18 anos, estava grávida de 4 meses de Kalel Christian Silva Regueira Costa, 24 anos.

O crime aconteceu na Rua Quatro de Outubro, na Comunidade dos Casados. Segundo relatos de vizinhos, os dois estavam discutindo momentos antes do crime. Depois de atear fogo na companheira, o homem tentou fugir do local, correndo por cima dos telhados das residências. Ele escorregou, caiu e acabou se ferindo.

Por causa dos ferimentos, o homem foi levado para receber atendimento médico em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região. Depois de liberado, ele foi encaminhado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e confessou o crime, dizendo que não estava arrependido.

Leia também:

>> Pai de 21 anos mata próprio filho de 2 anos afogado em bacia

Segundo ele, Samara estaria tramando sua morte junto a criminosos do bairro. No entanto, os vizinhos contaram que Kalel tinha muito ciúmes de Samara e brigava constantemente com ela porque não gostava que ela usasse roupas curtas.

Confira todos os detalhes na matéria exibida pelo Bronca 24 Horas desta segunda-feira (23).

Assista:

Gravidez

Em entrevista com jornalistas depois da prisão, Kalel se mostrou surpreso com a informação de que a companheira estava grávida e disse que desconhecia a gestação da vítima.

LEIA TAMBÉM:

>> SDS registra 275 homicídios no mês de agosto em Pernambuco

>> Homicídios caem 23% em PE, porém, casos de violência contra mulheres e LGBT's crescem

>> Pesquisa revela aumento no número de estupro e feminicídio