SUPERLOTAÇÃO

Vídeos mostram falta de estrutura do Hospital Miguel Arraes

"Não tem vaga para nada", diz filha de paciente sobre superlotação

Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 12/03/2020 às 8:00
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Acompanhantes de pacientes do Hospital Miguel Arraes (HMA), localizado em Paulista, no Grande Recife, denunciaram a superlotação na unidade, a demora nos atendimentos básicos e na realização de cirurgias. Os denunciantes gravaram vídeos, que mostram a realidade no local.

A filha de uma paciente que está internada no HMA falou sobre a situação atual. A mãe dela tem 82 anos. "Está muito difícil conseguir um maca. As enfermeiras preferem ficar no celular do que atender a gente. Está tudo cheio, não tem vaga para nada. Muita gente sofrendo de dor. Está um tremendo inferno", afirmou.

Confira na reportagem

Nota

O Hospital Miguel Arraes disse, em nota, que enfrenta diariamente problemas de superlotação. No caso da paciente cuja acompanhante deu entrevista, a unidade informou que ela está realizando todos os exames necessários, por conta da avançada idade (82 anos). Com o resultado desses exames, a cirurgia da paciente está programada para o próximo domingo (15).

Hospital Otávio de Freitas

O Ministério Público realizou uma audiência com representantes do Governo do Estado para discutir a situação do Hospital Otávio de Freitas. Foi dado o prazo, até o dia 17 deste mês, para que a Secretaria de Saúde apresente um plano de requalificação do hospital.

Pacientes e acompanhantes reclamam da superlotação, calor, falta de macas, medicamentos e que até gatos são encontrados nas enfermarias e emergência da unidade de saúde. As denúncias foram constatadas pelo Ministério Público, que fez uma vistoria no hospital.

Saiba mais abaixo

>> Familiares de pacientes denunciam descaso no Hospital Otávio de Freitas

+VÍDEOS