AUMENTO

Pandemia de coronavírus faz subir preços de alimentos em Caruaru

Entenda os motivos para os aumentos, durante a pandemia

Pandemia de coronavírus faz subir preços de alimentos em Caruaru

Alimentos aumentam devido à pandemia do novo coronavírus - Foto: Reprodução/TV Jornal Caruaru

Desde o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil, o preço de muitos alimentos considerados essenciais sofreu aumento, nos supermercados em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

Por causa disso, muitas famílias fizeram uma corrida nos estabelecimentos, o que pode ter contribuído também para o aumento no valor de alguns itens. O feijão, que é o vilão da vez, está custando R$ 9,00, além do arroz e leite, que tiveram uma alta de 20% no valor. 

De acordo com a advogada de um supermercado da cidade, Tamirys Barbosa, o aumento é porque, além da estiagem, as fábricas não tinham se preparado para a crescente demanda neste período.

>> Confira como a pandemia de coronavírus afetou preço da cesta básica

Além dos produtos da cesta básica, as verduras sofreram um pequeno aumento. A cenoura tem sido a vilã da categoria, com uma média de aumento de 15 a 20%.

>> Em quarentena por causa do coronavírus, jovem imita narrador esportivo e brinca com rotina dos pais

>> Máscara de tecido protege do coronavírus? E de TNT? Médico responde

Sem aumento

Diante de tudo isso, a boa notícia é que, pelo menos por enquanto, as frutas e os produtos de higiene, que têm sido bastante usados, permanecem sem aumento.

Coronavírus no Brasil

O número de casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus no país subiu para 6.836 nessa quarta-feira (1°), de acordo com os dados mais recentes do Ministério da Saúde. O número de mortes por covid-19 chegou a 240. O índice de letalidade ficou em 3,5%.

Na terça-feira (31), o país contabilizava 201 óbitos e 5.717 casos confirmados da doença. Os novos casos somaram 1.119, um pouco menos do que os 1.138 novos no balanço ontem.

As mortes estão assim distribuídas pelos estados brasileiros: São Paulo (164), Rio de Janeiro (28), Ceará (8), Pernambuco (8), Piauí (4), Rio Grande do Sul (4), Paraná (3), Amazonas (3), Distrito Federal (3), Minas Gerais (3), Bahia (2), Santa Catarina (2), Rio Grande do Norte (2), Alagoas (1), Maranhão (1), Mato Grosso do Sul (1), Goiás (1), Paraíba (1) e Rondônia (1).

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.