Polícia

Presos membros da quadrilha "Gangue do Rolex" que agia no bairro de Boa Viagem e roubava relógios de luxo

Os suspeitos são dois homens naturais de São Paulo com passagem pela polícia e um pernambucano

Caterine Costa de Oliveira
Caterine Costa de Oliveira
Publicado em 09/09/2021 às 13:15 | Atualizado em 17/05/2022 às 19:31
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

A Polícia Civil prendeu integrantes de uma quadrilha que agia no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife.

O grupo conhecido como "Gangue do Rolex", costuma abordar carros de luxo e roubar os relógios das vítimas. Uma das investidas aconteceu na Rua Barão de Souza Leão.

O crime foi registrado por câmeras de seguranças de um estabelecimento próximo ao local. Nas imagens, é possível ver um motociclista abordando um homem em um carro e roubando seus pertences.

Confira a reportagem exibida no Bronca 24h desta quinta-feira (9):

O motociclista que apareceu nas imagens do vídeos e mais dois homens foram presos, um pernambucano de 36 anos e dois paulistas. Os suspeitos foram presos no bairro do Ibura, Zona Sul do Recife.

De acordo com as investigações, eles participavam de um esquema criminoso especializado no roubo de relógios de luxo. Mais de 10 vítimas já registraram queixas na delegacia.

O delegado Felipe Monteiro afirma que os criminosos se passavam por entregadores de delivery ou mototaxistas para cometerem os crimes.

"Eles identificavam se a vítima possivelmente estaria usando relógio da marca Rolex ou outros de grande valor e no momento que as vítimas estavam se deslocando ou descendo do veículo eles eram abordados por esse integrante na motocicleta enquanto os outros elementos davam cobertura", contou o comissário.

Materiais apreendidos

Na residência utilizada pelo grupo os policiais encontraram um revólver calibre 38 e diversos coletes. A moto utilizada nos crimes também foi apreendida, mas nenhum relógio foi localizado. De acordo com o delegado Felipe Monteiro, os roubos eram levados para o estado de São Paulo.

"As investigações apontam que outros elementos chegaram a viajar no dia anterior para o estado de São Paulo. Então, no decorrer da investigação a gente tem que trabalhar para identificar todos os integrantes da quadrilha para que eles possam responder por todos os crimes", relatou Felipe Monteiro.

Crimes e prisão

Os dois homens naturais de São Paulo, já tinham passagem pela policia, inclusive um deles utilizava tornozeleira eletrônica.

Os três foram autuados por roubo majorado, porte ilegal de armas e associação criminosa e encaminhados para a audiência de custódia. Os paulista foram encaminhados ao presídio e o pernambucano foi liberado.

Notícias policiais da TV Jornal

Quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal no Facebook.