FUTEBOL

'A gente pagou caro pelo comportamento omisso', diz Hélio dos Anjos sobre derrota do Náutico para o Coxa

Após 14 rodadas, o Náutico sofreu sua primeira derrota na Série B do Brasileiro.

'A gente pagou caro pelo comportamento omisso', diz Hélio dos Anjos sobre derrota do Náutico para o Coxa

Hélio dos Anjos, técnico do Náutico. - Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Após a primeira derrota do Náutico na segunda divisão do Brasileiro por 3 a 1 para o Coritiba, na noite desta sexta-feira (30), o técnico Hélio dos Anjos disse que não aceitou a derrota pela fraca atuação do Timbu na partida. "A gente sabe que dentro de uma competição desse nível a gente vai perder jogos, mas não aceitei a derrota principalmente pelo nosso comportamento no primeiro tempo. (...) A gente pagou caro por um comportamento omisso no primeiro tempo e, um jogo decisivo, um jogo de primeiras colocações, as reações têm que ser mais positivas porque para mim, invencibilidade, não perder, servem de motivação", declarou o treinador do alvirrubro. 

>>>Náutico perde para o Coritiba por 3 a 1 e reconhece primeira derrota na Série B

Primeiro tempo

O jogo começou movimentado. Até os 15 minutos do primeiro tempo, o Coritiba assustou com duas chegadas de Léo Gamalho e uma de Robinho. Do outro lado, o Timbu tentou uma reação com Vinícius, que pegou torto na bola e não levou perigo ao gol alviverde. Aos 18', Igor Paixão cabeceou com liberdade e a bola tocou na trave do goleiro alvirrubro Alex Alves. Na sequência, Marciel respondeu, com um chute para fora. Causando pressão contra o adversário, o Coxa Branca cresceu no jogo e aos 32', abriu o marcador com Igor Paixão, de rebote, depois de chute forte de Val, rasteiro, que bateu na trave. O domínio alviverde seguiu no jogo e oito minutos depois, Wagninho ampliou a vantagem do time paranaense, invadindo a área e colocando no canto da meta alvirrubra. Coxa Branca 2 x 0 Náutico.

Segundo tempo

O Náutico voltou para o segundo tempo com duas mudanças na equipe e com a difícil missão de reverter o placar. Iago entrou no lugar de Marciel e Matheus Carvalho substituiu Rafinha. Com a saída de Rafinha, Bryan reassumiu a lateral esquerda do Náutico. Aos 11, Carvalho levantou na área e Wilson não conseguiu dar o soco na bola. Na sequência, Luciano Castán afastou e Bryan pegou o rebote, mas chutou para longe. O Coxa teve duas boas chegadas aos 20' e 21', com Igor Paixão e Léo Gamalho. O primeiro fez boa jogada individual pela esquerda e chutou para fora. Já o segundo recebeu na perna direita e também desperdiçou.

Em seguida, aos 23, a defesa do time paraense bateu cabeça dentro da pequena área e a bola sobrou para Paiva, que tocou para Matheus Carvalho girar sobre Henrique e chutar rasteiro para superar Wilson. Timbu diminui o placar, 2 a 1. Mas não demorou muito para o Coxa reagir. Aos 35, Gamalho marcou o terceiro gol, cabeceando na medida após cruzamento de Igor Paixão. O Timbu respondeu quatro minutos depois, com chute colocado de Matheus Trindade, mas o goleiro Wilson fez grande defesa. Nos acréscimos, o time pernambucano tentou diminuir o prejuízo, mas o Coxa manteve o domínio do jogo. Final: Coritiba 3 x 1 Náutico. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.