Violência

Mulher de 54 anos é espancada e estuprada ao sair de igreja; confira VÍDEO

Câmera de monitoramento flagrou o momento em que o criminoso abordou a vítima

Suzyanne Freitas
Suzyanne Freitas
Publicado em 03/06/2022 às 11:40 | Atualizado em 03/06/2022 às 11:46
Notícia
Reprodução/YouTube
A mulher retornava da igreja por volta das 23 horas quando percebeu que estava sendo seguida por um homem - FOTO: Reprodução/YouTube
Leitura:

Uma mulher, de 54 anos, foi espancada e estuprada quando voltava de um culto em uma igreja na última sexta-feira (27). Segundo informações do UOL, o crime aconteceu em Franco da Rocha, região metropolitana de São Paulo.

Uma câmera de monitoramento flagrou o momento em que o criminoso abordou a vítima, em uma rua da cidade. Ele foi preso e indiciado por estupro. Ferida especialmente no rosto, ela diz temer perder a visão após o episódio.

MULHER RETORNAVA DA IGREJA

A mulher retornava da igreja por volta das 23 horas quando percebeu que estava sendo seguida por um homem, perto de uma agência dos Correios, na rua Doutor Hamilton Prado, no centro da cidade.

No vídeo, é possível vê-la correndo na calçada, enquanto é perseguida pelo homem. Em seguida, ela tenta atravessar a rua para fugir, mas acaba encurralada pelo sujeito.

Ele então a segura com força e a empurra para um canto da calçada, desaparecendo do alcance da câmera. Confira o vídeo abaixo:

 

ESPACANDA COM VÁRIOS SOCOS

Segundo informou a Polícia Civil, a mulher foi espancada com vários socos no rosto, principalmente na região dos olhos, e, em seguida, acabou sendo estuprada pelo homem. O intuito do abusador ao agredir o rosto da vítima, segundo os investigadores, era impedir que ela o reconhecesse.

Ferida, a vítima foi para casa e no dia seguinte, sábado (28), registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Franco da Rocha.

IMAGENS DAS CÂMERAS DE SEGURANÇA

Na última segunda-feira (30), policiais foram até o local do crime e solicitaram imagens das câmeras de monitoramento da rua. Com base nas imagens, eles refizeram o percurso do acusado. Questionando moradores, os investigadores chegaram a um endereço onde o suspeito estaria, em uma comunidade no Jardim Cedro do Líbano, mas o homem não estava mais no local.

Já na terça-feira (31), a Polícia Militar foi acionada para uma ocorrência em que um homem teria se desentendido com a irmã. Ao consultarem o seu CPF, os policiais constataram que havia um mandado de prisão contra ele em aberto por tráfico de drogas.

SUSPEITO PRESO

O suspeito foi preso e encaminhado à delegacia de Franco da Rocha. Os investigadores desconfiaram que ele poderia ser também o estuprador e um deles foi até a casa da vítima com uma foto do suspeito, que o identificou como o homem que a havia atacado dias antes.

Ela também disse ao agente que temia perder a visão por causa dos ferimentos, ainda não totalmente recuperados. Além da prisão por tráfico de drogas, ele foi indiciado também por estupro após uma audiência de custódia. 

Comentários

Mais Lidas