CONTROLE

Porto de Galinhas terá novas restrições para evitar avanço da covid-19

Prefeitura do Ipojuca impôs novas regras de acesso à praia de Porto de Galinhas

Porto de Galinhas terá novas restrições para evitar avanço da covid-19

Restrições visam evitar aglomeração de pessoas - Foto: Tião Siqueira/ JC Imagem

Diante do aumento de casos da covid-19 em Pernambuco e a preocupação com as cenas de aglomeração registradas frequentemente no litoral do estado, a prefeita do Ipojuca, Célia Sales, assinou, nesta sexta-feira (15), o decreto nº 762/2021 que dispõe sobre as novas medidas administrativas e sanitárias para o enfrentamento da pandemia. Medida afeta a praia de Porto de Galinhas, um dos principais pontos turísticos do estado.

Entre as determinações da Prefeitura do Ipojuca, está a necessidade de ordenar o fluxo de pessoas nos passeios públicos, por isto, a gestão municipal passou a “proibir a entrada, a circulação, parada e estacionamento de ônibus de turismo, micro-ônibus, vans e similares, nas modalidades day use e city tour aos sábados, domingos e feriados”, exceto o que já se encontrava agendado na Secretaria de Turismo para este fim de semana (16 e 17 de janeiro). O município já estabelecia um limite diário de 16 destes transportes de viagem chegando às praias de Porto de Galinhas, mas agora este acesso está proibido.

 

>> Secretário critica aglomerações e ameaça fechar praias de Pernambuco

>> Covid-19: Pernambuco terá campanha de verão nas praias durante o fim de semana

>> Prefeituras do Recife e de Olinda promovem ação para tentar convencer banhistas a usarem máscara nas praias

>> Fiscalização para cumprimento de protocolos começa nas praias do Grande Recife

 

As decisões foram tomadas após a prefeita ouvir o Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca, baseadas no pedido de apoio do governador Paulo Câmara às prefeituras do litoral pernambucano no combate à covid-19.

 

Vila de Porto de Galinhas

Outra medida mais específica, se refere à Vila de Porto de Galinhas. A Prefeitura do Ipojuca decidiu que: “ficam suspensas as autorizações/alvarás de funcionamento de bares, restaurante, boates e comércio ambulante, na vila de Porto de Galinhas, no horário compreendido entre 23h e 7h”. Estas e outras determinações descritas no decreto passam a valer a partir da data da publicação do mesmo.

Devido ao número crescente de casos da COVID-19 em todo o estado e respeitando o novo decreto do Governo do Estado, a...

Publicado por Prefeitura do Ipojuca em Sábado, 16 de janeiro de 2021

A medida da prefeitura reforça o mais recente decreto estadual que proíbe música ao vivo e som em bares, restaurantes, lanchonetes, inclusive os que se localizam na faixa de areia como as barracas e os carrinhos de alimentos e bebidas. O decreto estadual tem validade de 30 dias.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.