GASTOS DO GOVERNO

Com valor usado pelo governo para comprar uma lata de leite condensado, pernambucano pode comprar até 36 unidades do produto

Em 2020, governo federal comprou cada unidade de leite condensado por R$ 162. Total do dinheiro público usado na compra foi de R$ 15 milhões.


Com valor usado pelo governo para comprar uma lata de leite condensado, pernambucano pode comprar até 36 unidades do produto

Leite condensado - Foto: Freepik

Como dizem aqui em Pernambuco, “pense num negócio caro da bexiga”: Ao longo de 2020, o governo federal comprou R$ 15 milhões de reais em latas de leite condensado. O que chama mais atenção não é o valor do montante, mas o preço individual de cada unidade do doce. De acordo com o portal da transparência, cada caixinha contendo 395g custou aos cofres públicos R$ 162 (cento e sessenta e dois reais). 

Com este valor, os donos de casa pernambucanos compram muito mais unidades do produto. O jornalista da Rádio Jornal Wagner Gomes foi ao supermercado e encontrou unidades do produto com preços bem mais baixos. O leite condensado mais caro, de uma famosa marca, custa R$ 6,15. Já a opção mais barata encontrada por Wagner, custa R$ 4,39. 

Se colocar na ponta do lápis, com R$ 162, o pernambucano pode comprar até 36 latas da marca mais barata e ainda levar o troco para casa. É que a R$ 4,39, 36 latas custariam R$ 158,04. 

Confira explicação de Wagner Gomes:

Compras do governo

Uma reportagem do portal Metrópoles apontou que o governo federal gastou R$ 1,8 bilhão com comida em 2020. Entre os produtos colocados no carrinho do governo, leite condensado, chiclete, pizza e uva passa. Após a divulgação do caso, parlamentares da oposição pediram ao Tribunal de Contas da União que investigue as compras do governo.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.