ECONOMIA

Preço do gás de cozinha tem 2º reajuste em 2021; veja novo valor

Gás de cozinha só teve queda em maio de 2020. Nos outros 12 meses, comprar um botijão ficou mais caro, em relação ao mês anterior, de acordo com o IBGE.

Preço do gás de cozinha tem 2º reajuste em 2021; veja novo valor

Recife ficou em 2º lugar no Brasil, no ranking de elevação de preços, do IBGE - Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

O preço do gás de cozinha teve um novo reajuste e os revendedores dizem que vão repassar o aumento para os consumidores.

Já é o segundo aumento no preço do gás de cozinha, somente este ano. O reajuste da Petrobras, desta vez, é de 5,1%.

>> Gás de cozinha sobe mais que o dobro da inflação em 2020

>> Gás de cozinha: Petrobras anuncia novo aumento no preço

 

Preços

São R$ 0,14 a mais, por quilo. Assim, o botijão de 13 quilos passou de R$ 35,98 para R$ 37,79, nas refinarias, que repassam para as distribuidoras, que, por sua vez, repassam para as revendedoras, até chegar aos clientes.

 

>> Após aumentos no preço do gás de cozinha, venda da Liquigás é autorizada

>> Preço do gás de cozinha passa por novo reajuste

>> Gás de cozinha pode custar R$ 90; saiba o que está por trás do preço alto

>> Revendedores de gás de cozinha protestam contra aumentos de preços na BR-101, em Jaboatão

>> Aumento do gás de cozinha nas refinarias pode ter consequência na população

 

IBGE

É um aumento grande, que compromete a renda da família. Das 16 regiões pesquisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no mês passado, em 14 delas, houve elevação de preços.

Recife ficou em 2º lugar no Brasil, nesse ranking. Francine Gulde, diretora-executiva do sindicato dos revendedores, diz que eles tentam não encarecer tanto o produto, mas o novo valor terá que ser repassado aos clientes.

Desde janeiro do ano passado, o gás só teve queda em maio para o consumidor final. Nos outros 12 meses, comprar um botijão ficou mais caro, em relação ao mês anterior, de acordo com o IBGE.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.