CORONAVÍRUS

Covid-19: Nazaré da Mata anuncia suspensão de aulas em escolas privadas

A nota afirma ainda que pode haver prorrogação no tempo sem aulas presenciais, em decorrência do novo coronavírus.

Covid-19: Nazaré da Mata anuncia suspensão de aulas em escolas privadas

A prefeitura de Nazaré da Mata, na Zona da Mata de Pernambuco, informou neste domingo (21) que decidiu editar a suspensão das aulas presenciais, da rede pública e privada, por 45 dias. A nota afirma ainda que pode haver prorrogação, em decorrência do novo coronavírus.

>>>Por causa da covid-19, aulas presenciais em escolas estaduais estão suspensas em Nazaré da Mata

>>>Prefeito de Nazaré da Mata fala sobre a suspensão das aulas presenciais na cidade

Veja na íntegra 

NOVO DECRETO MUNICIPAL

Prefeitura de Nazaré da Mata edita novo decreto para suspensão das aulas presenciais na Rede Pública e Privada do município, nesta segunda-feira (22)

NOVO DECRETO MUNICIPAL

A Prefeitura de Nazaré da Mata, informa que, em reunião neste domingo (21), juntamente com o Procurador Municipal, Lyndon Jonshon e o Secretário Municipal de Educação, Marcelo Nascimento, o prefeito de Nazaré da Mata, Sr. Inácio Manoel do Nascimento, decidiu editar, a partir dessa segunda feira (22), a suspensão das AULAS PRESENCIAIS, DA REDE PÚBLICA E PRIVADA, POR 45 DIAS, podendo ocorrer prorrogação, em decorrência do coronavirus.

OBSERVAÇÃO: O DECRETO ATINGE A REDE PÚBLICA ESTADUAL, ÀS ESCOLAS PARTICULARES E FACULDADES EXISTENTES NO MUNICÍPIO.

Entrevista com o prefeito

O pedido foi feito pela diretora da Gerência Regional de Educação da Mata Norte, Edivânia Arcanjo, à Secretaria de Educação do Estado. O prefeito do município, Nino (Solidariedade), conversou com a reportagem do programa Por Dentro com Cardinot desta sexta (19) e falou sobre a ação tomada.

Confira

A determinação passa a valer a partir de segunda-feira (22). Será uma semana sem aulas presenciais.

Aulas remotas

Devido a suspensão das aulas presenciais, os alunos vão passar a ter aulas remotas.

Escolas

Atualmente, a cidade conta com cerca de cinco escolas estaduais, e mais de 500 alunos.

LYNDON JOHNSON
PROCURADOR

Bares e lanchonetes estão proibidos de funcionar após as 20h em Nazaré da Mata

A Prefeitura de Nazaré da Mata também proibiu o funcionamento de restaurantes, lanchonetes e bares após às 20h. O decreto número 11/21 foi publicado pelo poder público municipal na quarta-feira (17) e visa evitar o avanço da covid-19 na cidade. A prefeitura também decidiu limitar o número de fiéis nas igrejas. 

De acordo com o decreto, as restrições têm validade, a princípio, de 30 dias e podem ser estendidas, em caso de necessidade. 

A prefeitura informou, na norma, que os estabelecimentos que descumprirem essas medidas terão o alvará de funcionamento cassado. Os locais também ficam sujeitos a perder a autorização para exercer esse tipo de atividade.

O decreto também determina que ficam proibidas as aglomerações em outros estabelecimentos de venda de alimentos e bebidas, em ambientes fechados. Esta parte da norma trata, ainda, de casas de festas ou qualquer tipo de igreja e templos religiosos, que devem seguir essa mesma restrição.

O decreto explica que “entende-se por aglomeração as reuniões em mesas, rodas de conversa ou bate papo com mais de quatro pessoas, em ambiente ou estabelecimento fechado”. A norma trata de estabelecimentos que têm permissão para funcionar em vias públicas, mesmo que de forma provisória.

Decreto foi compartilhado na página do Facebook da Prefeitura de Nazaré da Mata.

Igrejas

Todos os templos religiosos poderão funcionar, desde que limitem a 30% a capacidade de público. Nos casos dos templos maiores, fica proibido reunir mais de 300 pessoas. Os fiéis deverão usar máscaras, de forma obrigatória, cobrindo boca e nariz e precisam manter o distanciamento de 1,5 metro. Também é preciso assegurar o fornecimento de álcool em gel ou líquido a 70%. Bebedouros coletivos ficam vedados.

Ainda de acordo com o decreto, fica proibida entrada de clientes em agências bancárias e repartições públicas sem máscaras. Quem descumprir, disse a prefeitura, está sujeito a ser enquadrado em crime de desobediência.

O município autorizou também o trabalho em casa para os servidores idosos ou que se enquadrem em grupos de maior risco da covid-19. A medida é estendida aos servidores que convivem com idoso ou pessoas que necessitam de cuidados especiais. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.