ALERTA

Pernambuco se aproxima de 11 mil mortes pela covid-19

Dados da covid-19 em Pernambuco são atualizados diariamente

Pernambuco se aproxima de 11 mil mortes pela covid-19

Também foram confirmados laboratorialmente 22 novos óbitos - Foto: Reprodução/TV Jornal

Segundo os dados da covid-19 divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), neste domingo (28/02), Pernambuco está perto de atingir 11 mil óbitos causados pela doença. 

Segundo o boletim, neste domingo, foram registrados 616 casos da covid-19. Entre os confirmados hoje, 43 (7%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 573 (93%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 299.475 casos confirmados da doença, sendo 32.473 graves e 267.002 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

 

>> Coronavírus: Variante do Amazonas gera carga viral 10 vezes maior

>> Covid-19: Justiça de Pernambuco suspende expediente presencial até 10 de março

 

Além disso, o boletim registra um total de 258.403 pacientes recuperados da doença. Destes, 19.759 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 238.644 eram casos leves.

Total de óbitos 

Também foram confirmados laboratorialmente 22 novos óbitos (14 masculinos e 8 femininos), ocorridos entre os dias 05/01/2021 e 27/02/2021. Com isso, o Estado totaliza 10.996 mortes pela doença.

 

>> Pernambuco abre mais leitos de UTI para pacientes da covid-19

>> Paulo Câmara negocia compra da vacina Sputnik V para Pernambuco

>> Recife amplia vacinação contra covid-19 para idosos a partir de 75 anos; veja novos locais e como agendar

 

As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Afogados da Ingazeira (4), Belo Jardim (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Feira Nova (1), Ipubi (1), Moreno (1), Ouricuri (1), Recife (9), Salgueiro (1), Tracunhaém (1) e Trindade (1). 

Os pacientes tinham idades entre 30 e 101 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (1), 40 a 49 (1), 50 a 59 (1), 60 a 69 (4), 70 a 79 (9) e 80 ou mais (6). Do total, 19 tinham doenças pré-existentes: diabetes (7), doença cardiovascular (12), hipertensão (1), doença renal (3), doença respiratória (3), tabagismo/histórico de tabagismo (1), neoplasia (1) e obesidade (4) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais seguem em investigação.

Vacinação em Pernambuco

Pernambuco já aplicou 399.563 doses da vacina contra a Covid-19, das quais 290.594 foram primeiras doses. Ao todo, foram feitas a primeira dose em 156.261 trabalhadores de saúde; 23.969 povos indígenas aldeados; 5.587 idosos em Instituições de Longa Permanência; 26.801 idosos entre 80 e 84 anos; 77.134 idosos a partir dos 85 anos, além de 842 pessoas com deficiência institucionalizadas.

Em relação à segunda dose, já foram beneficiados 82.379 trabalhadores de saúde; 22.133 povos indígenas aldeados; 4.014 idosos institucionalizados e 443 pessoas com deficiência institucionalizadas; totalizando 108.969 pessoas que já finalizaram o esquema.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Mesmo com o início da vacinação contra a covid-19, é importante manter as medidas. Entre elas estão:

- Usar máscara em ambientes compartilhados 

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.

- Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.

- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.

- Evitar contato próximo com pessoas doentes.

- Ficar em casa quando estiver doente.

- Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.

- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.

- Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

- Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.