SAúDE

Mais 110 mil vacinas contra a covid-19 chegam a Pernambuco nesta terça-feira (09), diz governo

De acordo com o governo de Pernambuco, o novo lote de vacinas para imunização da covid-19 já tem destino


Mais 110 mil vacinas contra a covid-19 chegam a Pernambuco nesta terça-feira (09), diz governo

Plataforma online serve para acompanhar resultados de exames da covid-19 feitos na rede pública de Pernambuco - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem

O Governo de Pernambuco confirmou que vai receber, na noite desta terça-feira (09), mais 110.800 vacinas contra a covid-19 produdizas pela Sinovac/Butantan. As novas doses, ainda de acordo com o governo estadual, serão destinadas para finalizar o processo de imunização dos idosos de 80 a 84 anos, dar seguimento a vacinação dos trabalhadores de saúde e iniciar o tratamento nos idosos com idade entre 75 e 79 anos.

A nova remessa de vacina contra a covid-19 saiu do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e tem previsão de desembarcar no aeroporto Internacional de Recife/ Guararapes – Gilberto Freyre às 19h50. A informação repassada pelo Governo de Pernambuco é que as novas doses sejam encaminhadas para todas as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), que repassam para os municípios.

> Covid-19: Com medidas em Pernambuco, o que são serviços essenciais e não essenciais?

Com mais esse lote, já são 854.360 imunizantes contra a covid-19 recebidos pelo Estado. Em relação a todo o país, o Ministro da Saúde estima que o Brasil deve receber até 28 milhões de doses de vacinas em março para cumprir o Plano Nacional de Imunização (PNI). O ministro Eduardo Pazuello esteve na Fiocruz para discutir demandas sobre imunizantes contra a covid-19 no Brasil

Covid-19 em Pernambuco

De acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), até esta terça-feira (09), Pernambuco registrou 309.976 covid-19, sendo 33.114 graves e 276.862 leves. Ao todo, o Estado totaliza 11.224 mortes pela doença que assombra todo planeta. 

Medidas de prevenção contra covid-19

Após fiscais do Procon terem flagrado uma festa para mais de 100 pessoas em uma fazenda na Zona Rural de Moreno, no Grande Recife, o secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, afirmou que quem for flagrado em festas clandestinas e aglomerações pode ser preso. Segundo ele, todos os que desobedecem às medidas restritivas em todo o Estado de Pernambuco, estão praticando crimes contra a saúde pública.

"Não vamos mais tolerar esse tipo de comportamento. Todos que participam estão praticando um crime contra a saúde pública, previsto no artigo 268 do código penal", destacou o secretário.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.