PANDEMIA DO NOVO CORONAVíRUS

Petrolina atinge 95% de ocupação nos leitos de UTI para covid e só tem mais duas vagas

Cidade que já teve 60 leitos do SUS, conta agora com 44

Petrolina atinge 95% de ocupação nos leitos de UTI para covid e só tem mais duas vagas

Variante Covid-19 - Foto: SES-PE

Em se tratando de covid-19, a cidade de Petrolina, no Sertão pernambucano, está em estado crítico. No momento, 95,5% dos leitos de UTI destinados a pacientes com o novo coronavírus já estão ocupados. No domingo (7), a taxa chegou a 100%. 

A informação foi confirmada nesta terça-feira (9) pela secretaria de Saúde do município. Dos 44 leitos disponíveis, 42 estão ocupados. Dos pacientes internados, 27 são moradores de Petrolina e 15, residem em outras cidades do entorno. 

A cidade já acumula 216 óbitos em decorrência da Covid-19, informou a Secretaria de Saúde. 

No domingo, ao informar a população sobre a ocupação de 100% nos leitos naquele dia, o prefeito Miguel Coelho alertou para a importância das pessoas tomarem cuidados necessários para a prevenção da covid-19. "Tenho muita esperança de que conseguiremos abrir mais leitos nos próximos dias, mas feliz de verdade eu ficaria se ninguém precisasse deles. Entretanto, pessoal, isso não depende de mim; depende de cada pessoa entender a gravidade da pandemia e fazer a sua parte cuidando de si e cuidando do outro", escreveu. 

Leitos

Petrolina tem 44 leitos do SUS destinados aos pacientes com covid-19. Antes,o município tinha 60, mas alguns foram fechados devido baixa demanda da época. A secretaria de Saúde de Pernambuco prometeu abrir 20 novos leitos na cidade, mas não precisou a data de quando isso vai acontecer. 

Veja nota na íntegra:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) ressalta que tem monitorado permanentemente a situação epidemiológica do Estado e a rede de assistência. Também tem realizado as ações necessárias para garantir o atendimento dos pernambucanos, ampliando os leitos na rede própria e contratualizando na privada, o que tem possibilitado a oferta, atualmente, de mais de 2 mil vagas de UTI e enfermaria em todas as regiões pernambucanas. Importante destacar ainda que a Central de Regulação do Estado tem atuado para fazer os encaminhamentos necessários para os hospitais de referência e para demais leitos criados para o atendimento desses pacientes em todo o Estado.

Além disso, dentro do planejamento de abertura de novas vagas, nos próximos dias, a rede de saúde da IV Macrorregião de Saúde será reforçada com 20 novos leitos de UTI no Hospital e Maternidade Santa Maria, em Araripina, e na UPAE de Petrolina. A SES-PE ainda está com chamamento público aberto para contratação de leitos dedicados à Covid-19 junto aos hospitais privados e filantrópicos.

Por fim, a SES-PE ressalta que, neste momento de aceleração da doença no Estado, é preciso que todos reforcem a adoção do cuidado e respeitem as regras de prevenção, porque só assim será possível diminuir a aceleração da doença e a quantidade de pacientes com quadros graves da Covid-19.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.