SAúDE

Tipo sanguíneo: Pessoas com sangue tipo A têm mais chance de contrair Covid-19, diz estudo

Novos medicamentos e métodos de prevenção à covid-19 podem surgir a partir da compreensão de como o coronavírus interage com cada tipo sanguíneo

Tipo sanguíneo: Pessoas com sangue tipo A têm mais chance de contrair Covid-19, diz estudo

Pessoas com sangue tipo A têm mais chance de contrair Covid-19, diz estudo - Foto: Agência Brasil

Quem possui um tipo sanguíneo específico tem mais chance de ser infectado pelo novo coronavírus (covid-19). O risco de contaminação por esse grupo foi publicado em um estudo da revista científica norte-americana Blood Advances.

Quem tem mais risco?

De acordo com a pesquisa, o Sars-Cov-2 - vírus responsável pela Covid-19 - é significativamente atraído pelo antígeno encontrado nas células respiratórias do grupo sanguíneo A.

A pesquisa, porém, ainda continua, juntando-se a outros estudos do tipo já realizados para, assim, entender melhor essa relação.

 

>> OMS: situação da covid-19 no Brasil é "muito séria"; Mortes ultrapassam 265 mil e casos chegam a 11 milhões

>> Petrolina atinge 95% de ocupação nos leitos de UTI para covid e só tem mais duas vagas

>> Covid-19: Mesmo com abertura de leitos de UTI, taxa de ocupação em Pernambuco é de 95% na rede pública e 92% na privada

 

Qual o motivo?

Os cientistas analisaram amostras de sangue dos tipos A, B e O e descobriram que uma proteína do vírus - a RBD (domínio de ligação ao receptor) - tinha forte preferência pelo grupo A.

"É interessante que o RBD viral realmente prefere apenas o tipo de antígenos do grupo sanguíneo A que estão nas células respiratórias. Presumivelmente, é como o vírus está entrando na maioria dos pacientes e infectando-os", explicou Sean Stowell, autor do estudo, à Sociedade Americana de Hematologia.

"Se pudermos entender melhor como o vírus interage com grupos sanguíneos nas pessoas, poderemos encontrar novos medicamentos ou métodos de prevenção", considerou Stowell.

 

>> Covid-19: André Longo não descarta possibilidade de que outras variantes estejam circulando em Pernambuco

>> Brasil registra aumento de 11% em mortes por covid-19 em uma semana

>> Covid-19: Brasil tem segundo dia com mais mortes confirmadas

>> Estudo mostra que Ivermectina não tem efeitos contra a covid-19

>> No limite: ocupação cresce e está difícil encontrar leito de UTI para pacientes com covid-19 em Pernambuco

 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.