AUXíLIO EMERGENCIAL

Auxílio emergencial 2021: regras devem ser anunciadas nesta sexta-feira (12); veja o que já se sabe

Fontes do governo já falaram sobre valores e quantidade de parcelas do auxílio emergencial 2021


Auxílio emergencial 2021: regras devem ser anunciadas nesta sexta-feira (12); veja o que já se sabe

População faz longa fila, neste sábado (19), para saque do auxílio emergencial - Foto: Welligton Lima/JC Imagem

Os critérios para recebimento, calendário e valores do aguardado novo auxílio emergencial estão perto de serem revelados. A medida provisória que estabelece as regras do benefício deve ser publicada nesta sexta-feira (12) pelo governo federal. De acordo com a revista IstoÉ, a ideia do governo é aproveitar a promulgação da PEC que autorizou o auxílio e começar a liberar os pagamentos ainda neste mês de março. 

Apesar dos termos ainda serem oficialmente desconhecidos, representantes do governo adiantaram alguns possíveis pontos que devem valer para o auxílio emergencial 2021. O primeiro deles - um dos mais importantes - está relacionado ao valor. O presidente Jair Bolsonaro disse recentemente que cada beneficiário deve receber entre “150 e 300 e pouco”. 

Na prática, o valor padrão deve ser de R$ 250. Entretanto, quem declarar que mora sozinho vai receber cerca de R$ 150 ou R$ 175. Já as mulheres que são mães e chefes de família, devem receber algo em torno de R$ 375. 

Calendário

Ainda não se sabe exatamente a partir de quando o benefício deve ser liberado, mas a expectativa é que a primeira parcela deve ser depositada ainda neste mês de março. Algumas fontes da equipe econômica do governo chegaram a citar a data do dia 18, que está relacionada também ao pagamento do Bolsa Família. 

Parcelas

No total, devem ser quatro parcelas a serem depositadas nos meses de março, abril, maio e junho. 

Atualização do cadastro

Quem recebeu o benefício no ano passado e quer tentar receber este ano novamente, vai precisar atualizar o cadastro. A atualização no cadastro deve ser feito de acordo com a data de nascimento. Quem nasceu em janeiro, já pode realizar o processo a partir do próximo domingo (14). A atualização deve ser feita no aplicativo Caixa Tem.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.