CUIDADOS

Leptospirose: Com ruas e casas ainda alagadas por causa da chuva, veja cuidados e orientações

O contato com a água suja dos alagamentos pode causar a doença, que pode ser transmitida por meio da urina de animais, como ratos e porcos, principalmente em locais onde há falta de saneamento básico

Leptospirose: Com ruas e casas ainda alagadas por causa da chuva, veja cuidados e orientações

Preocupação com a leptospirose costuma aumentar em dias de chuvas intensas - Foto: Bruno Campos/JC Imagem

Devido às fortes chuvas que caíram durante o final de semana, em Pernambuco, as ruas e casas continuam alagadas. Com o acúmulo da água nas vias e nas residências, especialistas alertam para o surgimento de casos leptospirose, durante esse período.

De acordo com especialistas, os alagamentos causados em locais onde há falta de saneamento básico oferecem um risco grande para a população, que acaba colocando os pés na água suja.

Balanço

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, em 2020, foram notificados. em Pernambuco, 341 casos da doença com 24 mortes. Este ano, o número de notificações chegou a 29 e um óbito confirmado.

>> Leptospirose: infectologista dá orientações para evitar contaminação

 

Cuidados

O infectologista Raphael dos Anjos orienta que, em tempos de chuva, é preciso evitar colocar os pés em áreas alagadas. Segundo ele, não só a urina dos ratos pode transmitir a doença, mas também de outros animais contaminados, como porcos.

Ele também informa que, caso a pessoa tenha se exposto à doença, deve ficar atenta aos sintomas que podem começar a aparecer no corpo, uma ou duas semanas após colocar os pés em um local contaminado.

>> Pernambuco registra 284 casos de leptospirose; confira cuidados

Orientações

O Ministério da Saúde orienta que pessoas que apresentarem febre, dor de cabeça e dores no corpo, até 40 dias depois de terem entrado em contato com as águas de enchente ou de esgoto, devem procurar uma unidade de saúde. Confira ainda alguns cuidados para se prevenir da doença

  • Evite o contato com água ou lama de enchentes ou esgotos. Não permita que crianças nadem ou brinquem nesses locais, que podem estar contaminados pela urina dos ratos
  • Após as águas baixarem, será necessário retirar a lama e desinfetar o local (sempre se protegendo)
  • Pessoas que trabalham na limpeza de lama, entulho e esgoto devem usar botas e luvas de borracha para evitar o contato da pele com água e lama contaminadas. Se isso não for possível, usar sacos plásticos duplos amarrados nas mãos e nos pés
  • Após as águas baixarem, será necessário retirar a lama e desinfetar o local (sempre se protegendo). Deve-se lavar pisos, paredes e bancadas, desinfetando com água sanitária, na proporção de duas xícaras das de chá (400ml) desse produto para um balde de 20 litros de água, deixando agir por 15 minutos
  • Deve-se ter cuidado com os alimentos que tiveram contato com água de enchente. Alguns devem ser jogados fora, e outros precisam de tratamento especial nessas situações
  • É importante limpar e desinfetar a caixa d’água

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.