FLEXIBILIZAçãO

Saiba o que muda e como fica o funcionamento das atividades em Pernambuco a partir desta segunda-feira (05)

Os setores de eventos, restaurantes e outras atividades econômicas passam por alterações no Plano de Convivência com a Covid-19

Saiba o que muda e como fica o funcionamento das atividades em Pernambuco a partir desta segunda-feira (05)

Movimentação do comércio na Rua da Palma, que fica no Centro do Recife - Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

Após uma redução no número de leitos de UTI com pacientes da covid-19 e estabilidade nos casos da doença, o Governo de Pernambuco decidiu fazer alterações no Plano de Convivência com a Covid-19 e flexibilizou o funcionamento das atividades econômicas em todo o Estado, como eventos sociais e corporativos; cinema, teatro, museus, entre outros. Confira os detalhes abaixo das mudanças que começam a partir do dia 5 de julho:

Vale lembrar que especialistas questionam dados da covid-19 divulgados pelo Governo de Pernambuco sobre pesquisa de Harvard. A pesquisa usa dados sobre o total de mortes relatadas em 2020 e, de janeiro a abril de 2021, para medir e comparar o número de mortes entre os estados. Nos quatro primeiros meses de 2021, as mortes por covid-19 representaram 107% do total do ano passado.

> Saiba como identificar se vacina da AstraZeneca que você tomou estava vencida

> SES garante que irá investigar com prefeituras se vacinas vencidas foram aplicadas em Pernambuco

O pesquisador do Instituto Tecnológico Vale e doutor em biotecnologia, Marx Lima, explica que o estudo não avalia o desempenho dos Estados nas medidas de combate à pandemia de covid-19 e que o atraso nas notificações de mortes registradas pode prejudicar os resultados da análise. Clique aqui e confira a entrevista na íntegra.

O que muda a partir do dia 5 de julho?

Eventos sociais/buffet: Na macrorregião 1, que engloba o Grande Recife, as zonas da Mata Norte e Sul e parte do Agreste, vão funcionar das 8h às 23h, durante a semana, e das 8h às 22h, nos finais de semana. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 8h às 22h, na semana, e 8h às 21h, no final de semana. O número de pessoas, em todas as macrorregiões, será de 50 ou 30% da capacidade do local, o que for menor. Música ao vivo continua proibido. 

Exemplos: Aniversários, batizados, bodas, casamentos, festas infantis, formaturas e noivados.

> Máscara de tecido protege do coronavírus? E de TNT? Médico responde

Eventos corporativos: Na macrorregião 1, vão funcionar das 8h às 22h, tanto durante a semana quanto aos sábados e domingos. Antes, podiam funcionar até às 21h nos finais de semana. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 8h às 22h, na semana, e 8h às 21h, no final de semana. O número de pessoas, em todas as macrorregiões, passa de 50 para 100 ou 30% da capacidade do local, o que for menor. Música ao vivo continua proibido.

> Por que as pessoas com duas doses da vacina ainda podem contrair a covid-19?

Exemplos: Assembleias, capacitações, cursos, conferências, congressos, convenções, encontros, entrevistas, fóruns, painéis, palestras, reuniões, simpósios, seminários, solenidades, treinamentos, webinar e workshops.

Colação de grau, aula da saudade e culto ecumênico: Na macrorregião 1, vão funcionar das 8h às 23h, na semana, e das 8h às 22h, nos finais de semana. Antes, podiam funcionar até às 22h, na semana, e às 21h, aos sábados e domingos. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 8h às 22h, na semana, e 8h às 21h, no final de semana. O número de pessoas, em todas as macrorregiões, passa de 50 para 100 ou 30% da capacidade do local, o que for menor. Música ao vivo, alimentos e bebidas continuam proibidos.

> O que acontece se tomou vacina vencida? Quem é responsável pela vacinação? Saiba as respostas

Cinema, teatro e circo: Na macrorregião 1, vão funcionar das 9h às 23h, na semana, e das 9h às 22h, nos finais de semana. Antes, podiam funcionar das 10h às 22h, na semana, e das 10h às 21h, aos sábados e domingos. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 9h às 22h, na semana, e das 9h às 21h, no final de semana. O número de pessoas, em todas as macrorregiões, passa de 100 para 200 ou 50% da capacidade do local, o que for menor.

> É gripe, dengue ou covid-19? Veja as diferenças e saiba onde receber atendimento em cada uma delas

Museus e demais equipamentos culturais: Na macrorregião 1, vão funcionar das 9h às 22h, na semana e nos finais de semana. Antes, podiam funcionar das 10h às 22h, na semana, e das 10h às 21h, aos sábados e domingos. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 9h às 22h, na semana, e das 9h às 21h, no final de semana. Continua permitido um visitante a cada 20 metros quadrados nas áreas expositivas internas, e um visitante a cada 10 metros quadrados nas áreas expositivas externas.

> Teve reações da vacina contra covid-19? Todo mundo vai sentir? Pode tomar remédio? Saiba o que fazer

Clubes sociais: Na macrorregião 1, vão funcionar das 5h às 23h, na semana, e das 5h às 22h, nos finais de semana. Antes, podiam funcionar das 5h às 22h, na semana, e das 5h às 21h, aos sábados e domingos. Já nas macrorregiões 2, 3 e 4, vão poder funcionar das 5h às 22h, na semana, e das 5h às 21h, no final de semana. Continua vedado o funcionamento de saunas e música ao vivo.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.