ACIDENTE

Avião bimotor com três pessoas cai no mar próximo a Ubatuba e Paraty

Bombeiros mobilizam o resgate em mar aberto

Avião bimotor com três pessoas cai no mar próximo a Ubatuba e Paraty

Três pessoas estavam a bordo do bimotor: um jovem de 20 anos (copiloto), o piloto e um tripulante. - Foto: Reprodução/Instagram

Com informações do Uol

Um avião bimotor caiu em mar aberto, nas proximidades de Ubatuba, litoral de São Paulo, e de Paraty, no Rio de Janeiro, na noite dessa quarta-feira (24). A queda aconteceu por volta das 21h. As equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas por volta das 23h45 para atender a ocorrência. 

A ação de resgate ainda está ocorrendo e recebe apoio do Corpo de Bombeiros de São Paulo. Eles foram chamados para prestar apoio durante a madrugada. Segundo a corporação, a ocorrência seria para atender a "problemas técnicos" em uma aeronave.

>> Voo 115: os 30 anos do acidente aéreo que matou 17 pessoas no Ipsep e chocou Pernambuco

>> Especialista analisa acidente de avião que matou Marília Mendonça

Desaparecidos

Três pessoas estavam a bordo do bimotor: um jovem de 20 anos (copiloto), o piloto e um tripulante. O bimotor saiu de Campinas (SP), por volta das 20h30, e pousaria no aeroporto de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, às 21h30. Os familiares relatam que, desde 21h, eles não têm mais notícias dos passageiros. Os pais do copiloto estão em Paraty, no Rio de Janeiro, para acompanhar as buscas, de barco.

Os bombeiros informaram que parentes do piloto entraram em contato, avisando o veículo enfrentava problemas. Há a suspeita de que o avião teria realizado um pouso de emergência nas águas. No entanto, as equipes ainda estão em buscas para localizar a aeronave e esclarecer o desaparecimento.

Nas redes sociais, a mãe e namorada de José Porfírio Júnior, que seria o copiloto da aeronave, afirmam que deixaram de receber notícias do jovem por volta das 21h. Elas alegam que ele estava acompanhado do piloto e de mais um passageiro e que teriam caído a 15 quilômetros da costa.

Buscas

Em busca de informações, elas teriam sido avisadas pelo Centro de Controle do Tráfego Aéreo do Rio de Janeiro que o avião caíra no mar. Os bombeiros mobilizaram a Marinha e a Capitania dos Portos para as buscas. Embarcações e um helicóptero se deslocaram para a região do mar em Ubatuba.

De acordo com o Comando da Aeronáutica, as buscas estão sendo coordenadas pelo Centro de Coordenação de Salvamento Aeronáutico de Curitiba, unidade da Força Aérea Brasileira (FAB) responsável pelas operações na região.

As buscas foram iniciadas por volta das 4 horas desta quinta, com o uso de equipamentos de visão noturna. De manhã, equipes da FAB encontraram destroços no mar que podem ser do avião desaparecido. Ainda segundo a Aeronáutica, as informações sobre as buscas estão sendo repassadas às famílias dos desaparecidos.

Destroços encontrados?

Na manhã desta quinta-feira, 25, uma poltrona que seria do avião foi encontrada boiando próximo da costa.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.