Notícia Paralisação

Greve dos rodoviários tem início nesta segunda-feira (3)


Publicado em 02.07.2017 , às 18:24

Por TV Jornal/ Com informações do JC Online

Reprodução/TV Jornal

Os cerca de dois milhões de passageiros transportados por dia no Grande Recife devem ficar sem ônibus a partir das 0h desta segunda-feira (3). Isso porque o Sindicato dos Rodoviários confirmou, neste domingo (02), a greve por tempo indeterminado aprovada em assembleia na última quinta-feira (29). A proposta do sindicato da categoria é suspender a circulação de todas as linhas de ônibus da 0h até as 5h, quando deve ser liberada 30% da frota de veículos. 

Segundo o Sindicato, ainda não foi recebido nenhum comunicado da Justiça do Trabalho sobre a greve dos motoristas, cobradores e fiscais. Os rodoviários abriram negociação com a classe patronal em busca de reajuste salarial, entre outras melhorias nas condições de trabalho. A categoria pede 7% de correção no piso salarial, 25% de aumento no vale alimentação e manutenção de cobradores nos coletivos. Após cinco tentativas de acordo, não houve avanço. Atualmente, um motorista ganha R$ 2.133,01, o salário do cobrador é R$ 971,97, e fiscais e despachantes recebem R$ 1.366,40. O valor do tíquete alimentação é R$ 225. 



Urbana

Por meio de nota enviada pela assessoria de comunicação, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) informou que vai fazer uma operação especial para tentar evitar transtornos à população:

“A Urbana-PE se empenhou ao longo das últimas semanas para chegar a um acordo junto aos trabalhadores rodoviários na definição do dissídio coletivo da categoria. Buscou-se uma solução que atendesse ao máximo aos interesses da categoria, sem esquecer, entretanto, a atual realidade do setor de transporte público. O Sindicato informa que recebeu comunicação do órgão gestor do transporte público na Região Metropolitana do Recife, o Grande Recife Consórcio de Transporte, determinando operação de 50% da frota nos horários de pico (5h às 09h e 16h às 20h) e 30% nos demais horários durante a greve deflagrada pelo Sindicato dos Rodoviários marcada para a próxima segunda-feira (03/07), a fim de evitar transtornos e prejuízos irreversíveis à população.”


Veja Também