Notícia GRAÇA

Graça Araújo é homenageada em missa de sétimo dia


Publicado em 14.09.2018 , às 21:54 / Atualizado em 17.09.2018 , às 09:46

Por TV Jornal / JC Online

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Começou às 20h desta sexta-feira (14) a Missa de Sétimo Dia da jornalista Graça Araújo, no bairro da Boa Vista, no centro do Recife. Familiares, amigos e fãs da comunicadora que fez história no jornalismo pernambucano sentem a saudade, mas celebram, acima de tudo, a vida da apresentadora.

“Graça estava, com certeza, no melhor momento da vida dela. Ela estava saudabilíssima, plena e feliz com tudo", afirmou Julianne Farias, amiga e cabeleireira de Graça. A jornalista Bianka Carvalho fez um discurso emocionado como amiga e fã da jornalista. “Nem Graça tinha a dimensão do bem que ela fazia.”



Partida inesperada

Graça Araújo morreu na tarde do último sábado (8) no Hospital Esperança, na Ilha do Leite, área central da Capital, após sofrer um AVC hemorrágico. A jornalista trabalhou normalmente na quinta-feira (6), quando apresentou o TV Jornal Meio Dia, telejornal que estava à frente por 26 anos. Como de rotina, entrou no ar na Rádio Jornal, no programa Rádio Livre, das 14h às 16h.

Sem aparentar sinais de mal estar, Graça se despediu dos colegas e foi para a academia em Boa Viagem, local que frequentava regularmente por ser assídua com os exercícios físicos. Durante esse tempo, passou mal e foi levada ao Hospital da Esperança com o diagnóstico de AVC hemorrágico.