Notícia Fé e devoção

Procissão da Bandeira abre as celebrações da Festa do Morro 2018


Publicado em 29.11.2018 , às 21:27 / Atualizado em 30.11.2018 , às 11:49

Por TV Jornal * Com informações do Jornal do Commercio

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

A Procissão da Bandeira abriu as celebrações da 114º edição da Festa do Morro da Conceição, na Zona Norte do Recife, nesta quinta-feira (29). Em 2018, o cortejo usou um novo trajeto.

A concentração para a procissão teve início por volta das 17h, em frente ao Parque da Macaxeira, localizado na Avenida Norte. A caminhada começou às 18h, no contra fluxo do trânsito, para evitar congestionamentos na via. A caminhada seguiu então até o Largo Dom Luiz, subindo pela Rua Itacoatiara, até a praça da Conceição. O percurso tem dois quilômetros e meio, seguidos com um trio elétrico e uma frevioca animando os devotos.

A bandeira estampada com a imagem da santa foi conduzida em um andor ornamentado com flores e luzes. Após uma apresentação da banda da Policia Militar de Pernambuco, nas proximidades da igreja, ocorreu o hasteamento da bandeira.



Celebrações

Durante os dias de festa, serão realizadas 61 missas, além de atividades culturais e shows. De 30 de novembro a 7 de dezembro, as celebrações acontecem às 7h, 9h, 11h, 14h e 16h, com confissões ao longo do dia, entre 8h e 21h. O novenário vai ser celebrado à noite, às 19h30. No dia dedicado a Nossa Senhora da Conceição, 8 de dezembro, a partir de 0h, vão ser celebradas missas a cada hora, intercalando as cerimônias dentro do Santuário e no palco montado em frente à Torre, das 0h às 10h.

Em 2018, o tema da festa, Nossa Senhora da Conceição do Morro: Somos Igreja do Amor que Nasceu de Ti, faz referência ao Ano do Laicato, celebrado nas igrejas brasileiras até 25 de novembro último, dia do Cristo Rei, para valorizar a presença e a organização dos cristãos leigos no País.

Origem

A Festa do Morro teve origem com a comemoração do cinquentenário do dogma da Imaculada Conceição, instituído pelo Papa Pio IX, em 1854 (século 19). O monumento com a imagem de Nossa Senhora da Conceição, uma escultura de ferro francesa, foi inaugurado em 8 de dezembro de 1904, pelo então bispo de Olinda, dom Luiz Raymundo da Silva Britto.