Hospital

Pacientes denunciam falta de remédios para pessoas com câncer no Imip


TV Jornal
TV Jornal
Publicado em 04/12/2018 às 9:45
Leitura:

-Reprodução/TV Jornal

Pacientes denunciam a falta de medicamentos para quem realiza tratamento contra o câncer no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip). Devido à falta dos remédios, as sessões de quimioterapia de muitos pacientes que vêm de todo o Estado estão sendo suspensas.

Uma das pessoas prejudicadas é Adrianoa. Ela foi diagnosticada com um câncer linfático e precisou se tratar no Imip, no fim do mês passado. Ela iria fazer a quarta sessão de quimioterapia mas, na chegada ao hospital, foi informada que o medicamento estava em falta e sem previsão para retorno. Indignado com a situação, o marido da paciente, Fábio Luciano Tigre, afirmou que a mulher não é a única a enfrentar o problema.

“A revolta aí é muito grande, porque o pessoal vem do interior, chega aqui de madrugada e, até o meio dia, não tinha uma posição para saber se iria fazer a quimioterapia ou não. O hospital fica com esse desprezo aos pacientes e nem dá uma certeza se vai chegar ou não [o medicamento]”, explica.

Entenda o que acontece quando pacientes interrompem o tratamento

Resposta do hospital

Por meio de nota, o Imip confirmou a falta de medicamentos e informou que eles estão sendo providenciados, mas não deu nenhum prazo para que a situação volte ao normal. A nota não explica porque a compra dos remédios não foi feita antes que o estoque chegasse ao fim.