SOLIDARIEDADE

Mãe pede ajuda para filho com doença rara receber atendimento nos EUA

O garoto Caio Medeiros sofre de uma síndrome rara e precisa de ajuda financeira para viajar

Mãe pede ajuda para filho com doença rara receber atendimento nos EUA

Caio possui Displasia Ectodérmica Hipoidrótica (HES), uma uma doença que atinge algumas glândulas do corpo e prejudica o desenvolvimento - Foto: Reprodução/TV Jornal

Caio Medeiros, de 11 anos, nasceu com uma síndrome rara. Ele possui Displasia Ectodérmica Hipoidrótica (HES), uma uma doença que atinge algumas glândulas do corpo e prejudica o desenvolvimento da pele, cabelos e dentes. 

Caio mora com a mãe Elanne Medeiros, no bairro do Ipsep, na Zona Sul do Recife. Ela pede ajuda para participarem de um encontro com especialistas, no próximo dia 10 de julho, em Chicago, nos Estados Unidos. Nessa conferência, profissionais ajudam os pacientes oferecendo consultas gratuitas a pessoas que sofrem com o mesmo problema.

Devido ao alto valor do dólar, Elanne criou uma vaquinha online com o objetivo de arrecadar dinheiro para realizar a viagem. O menino já participou de outras conferências e deseja bastante ir novamente ao evento "Eu gosto de ver as pessoas como eu e de rever os meus amigos", disse Caio.

Veja a reportagem

Displasia Ectodérmica Hipoidrótica

Por se tratar de uma síndrome rara, existem poucos estudos sobre a HED no Brasil. Além de prejudicar o desenvolvimento da pele, cabelos e dentes, a doença causa alterações na temperatura do corpo do portador. 

Vakinha

Clicando aqui você pode fazer a sua doação para Caio conseguir participar da conferência nos Estados Unidos. A meta é de R$ 30.000 e a vakinha online estará disponível até o dia 01 de agosto. 

Depósito em conta

Se você preferir, pode realizar um depósito diretamente na conta de Elanne Medeiros. Seguem os dados: 

Banco Itaú - Agência: 8322; Conta:  32569 0

Email: elannes@hotmail.com

Fone: (81) 99898-9259

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.