REAJUSTE

Passagem do metrô pode aumentar em maio e vai custar R$ 4 até 2020

A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) foi autorizada a escalonar o aumento da tarifa do metrô

JC Online

A passagem deve voltar a sofrer reajuste e passar de R$ 1,60 para R$ 3
A passagem deve voltar a sofrer reajustes diferentes até 2020
Bobby Fabisak/ JC Imagem

A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) foi autorizada a escalonar o aumento das tarifas do Metrô do Recife. A partir do dia 1º de maio (feriado do Dia do Trabalhador), a passagem já pode custar R$ 2,10. D e acordo com o documento obtido pela reportagem do Jornal do Commercio, o preço pode chegar a R$ 4, a partir de 1° de março de 2020.

A decisão, homologada pela juíza Maria Edna Fagundes Veloso, titular da 15ª Vara Federal Cível, foi resultado de uma audiência de conciliação realizada nessa quarta-feira (24), em Belo Horizonte, Minas Gerais. Na audiência, foi acordado que a CBTU pode implementar, a partir da próxima quarta-feira (1º de maio), o primeiro dos seis aumentos definidos.

Em nota, a administração central da CBTU, no Rio de Janeiro, informou que a data de implementação dos novos valores nas cinco cidades “ainda não está definida e terá ampla e prévia divulgação”. Segundo a companhia, “há cerca de 13 anos não há alteração nas tarifas em Belo Horizonte, 15 anos em Natal, Maceió e João Pessoa e sete anos no Recife, atingindo avançada defasagem ante ao custo de manutenção do sistema”. A Regional I, no Recife, deve se posicionar nesta quinta-feira (25) sobre o aumento escalonado.

Veja quanto a tarifa pode custar:

1° de maio a 30 de junho de 2019: R$ 2,10

1° de julho a 31 de agosto de 2019: R$ 2,60

1° de setembro a 31 de outubro de 2019: R$ 3

1° de novembro a 31 de dezembro de 2019: R$ 3,40

1° de janeiro a 28 de fevereiro de 2020: R$ 3,70

1° de março a 30 de abril de 2020: R$ 4

Investimentos

Na audiência de conciliação realizada em Minas Gerais, a CBTU também comprometeu-se a investir, até o dia 31 de dezembro de 2020, o valor de R$ 2 milhões em projetos voltados para programas de mobilidade urbana, meio ambiente e/ou sustentabilidade, no sistema metroferroviário.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.