DIA DOS PAIS

Brasileiros dispostos a gastar mais no Dia dos Pais, aponta economista

Pesquisa realizada pela Fecomércio indica que o valor médio dos presentes para os pais será de R$192

Brasileiros dispostos a gastar mais no Dia dos Pais, aponta economista

Os itens mais procurado para o Dia dos Pais são perfumaria, vestuário e calçados. - Foto: Reprodução/Rádio Jornal

Além do valor afetivo, o Dia dos Pais é uma data de grande importância para a economia do país. O economista da Fecomércio, Rafael Ramos, falou neste sábado (10), sobre a expectativa para a data.

"Realizamos uma pesquisa que apontou que na Região Metropolitana do Recife, existe uma queda na intenção de consumo das famílias. Ano passado a gente ficou em uma intenção de 80% e neste ano fomos para 76%. Porém, existe um aumento no valor gasto pelas famílias, que saíram de R$ 169 para R$ 192, então já temos um ganho mesmo com a intenção de consumo caindo. As famílias estão sinalizando que vão gastar mais com o Dia dos Pais", esclareceu. 

Rafael Ramos analisou o alto índice de desemprego, e o número de trabalhos informais como reflexo no consumo das pessoas no Dia dos Pais. 

“A gente sente esse reflexo quando a intenção de consumo cai. Quando fizemos a pesquisa e perguntou o que as pessoas iam comemorar, das pessoas que não iam, as maiores alegações foi o desemprego. O segundo lugar foi a questão do endividamento, que está muito atrelado ao desemprego. Se a pessoa não tem renda, não consegue pagar suas dívidas. Esse cenário de desemprego alto e o mercado deteriorado, de fato, acaba prejudicando o volume de vendas do comércio", afirmou. 

Ele também indicou quais os itens mais procurados pelos consumidores. 

“Os presentes mais indicados são vestuários e acessórios, seguido de perfumaria e cosméticos e em terceiro lugar, ficou calçados. As pessoas estão preferindo comemorar de uma maneira mais barata, para não deixar de comemorar”, concluiu.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.