POLíTICA

Namorada de Lula se declara em foto nas redes sociais: “De volta ao meu aconchego”

O ex-presidente saiu da prisão na última sexta-feira (08)

Namorada de Lula se declara em foto nas redes sociais: “De volta ao meu aconchego”

Os dois estão juntos há mais de um ano - Foto: Reprodução/twitter

A socióloga Rosângela da Silva, namorada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), publicou uma foto ao lado do petista,  nesta segunda-feira (11), nas redes sociais. Ele escreveu na legenda: “De volta por meu aconchego”. O relacionamento deles já tem mais de um ano. Rosângela esteve presente quando Lula deixou a sede da Polícia Federal, em Curitiba (PR) na última sexta-feira (08).

Na ocasião, Lula deu um beijo na namorada em frente a toda multidão que esperava pelo discurso do político. 

Morar em Pernambuco

Antes de ser solto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que pensa em voltar a morar em Pernambuco, em entrevista ao jornal Brasil de Fato. 

"Eu fico sonhando em sair daqui, decidir onde eu vou morar. Quando eu deixei a Presidência, eu tinha vontade de morar no Nordeste, vontade de voltar para o meu Pernambuco, tinha vontade de morar não perto da praia, mas num lugar em que eu pudesse ir à praia. Pensava em ir para Bahia, pensava em ir para o Rio Grande do Norte, mas a Marisa não quis ir porque ela nasceu em São Bernardo (do Campo, em São Paulo), e o mundo dela era São Bernardo. Eu não tenho mais o que fazer em São Bernardo", disse.

Discurso

O primeiro ato do petista, ao sair da cadeia, foi subir em um palanque e discursar para vários manifestantes e apoiadores, que montaram uma vigília em frente à Polícia Federal desde a prisão em maio de 2018.

 ''Vocês não tem a dimensão do significado do que é estar aqui junto com vocês. A vida inteira eu tive conversando com o povo brasileiro. Eu não pensei que no dia de hoje eu poderia estar aqui, conversando com com homens e mulheres durante 580 dias. Ficaram gritando bom dia, boa tarde e boa noite lula. Não importa se estivesse chovendo, importa que tivesse 40° graus, se estivesse 0°graus, todo os dias vocês eram o alimento da democracia que eu precisava para resistir. Eu não poderia ir embora sair daqui sem cumprimentar vocês'', discursou o ex-presidente.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.