PANDEMIA

Pernambuco confirma novos 1.018 casos de coronavírus e mais 43 óbitos

Agora, Pernambuco totaliza 58.107 casos e 4.751 mortes por coronavírus

Pernambuco confirma novos 1.018 casos de coronavírus e mais 43 óbitos

Pernambuco atinge 58.107 casos e 4.751 mortes por coronavírus - Foto: Pixabay

Em novo boletim divulgado neste domingo (28), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou 1.018 novos casos da Covid-19 em Pernambuco e mais 43 óbitos (sendo 20 do sexo feminino e 23 do sexo masculino) causados pelo novo coronavírus. Agora, Pernambuco totaliza 58.107 casos já confirmados, sendo 19.268 graves e 38.839 leves, e 4.751 mortes pela doença.

Entre os casos confirmados neste domingo, 876 (86%) são casos leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Outros 142 (14%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), que é a forma mais agressiva de manifestação da covid-19.

De acordo com o boletim da SES, Pernambuco tem 39.956 pessoas curadas da covid-19. Desse total, 9.182 são de casos graves e 30.774 casos leves. Os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 177 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

Detalhamento dos óbitos

Do total de mortes registradas no boletim deste domingo, 23 mortes (53,5%) ocorreram entre o dia 11 de maio e 24 de junho e 20 (46,5%) nos últimos três dias. Os pacientes tinham idades entre 35 e 101 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (4), 40 a 49 (3), 50 a 59 (5), 60 a 69 (12), 70 a 79 (7), 80 anos ou mais (12).

Os novos óbitos causados pelo novo coronavírus são de pessoas residentes nos municípios de Afogados da Ingazeira (1), Araripina (1), Carpina (1), Caruaru (6), Chã de Alegria (1), Condado (1), Feira Nova (1), Iguaraci (1), Ipojuca (2), Ipubi (1), Jaboatão dos Guararapes (11), João Alfredo (1), Joaquim Nabuco (1), Lagoa do Itaenga (1), Limoeiro (1), Palmares (4), Passira (1), Paudalho (1), Recife (3), Riacho das Almas (1), Tracunhaém (1) e outro Estado (1).  

Dos 43 pacientes que vieram a óbito, 30 apresentavam comorbidades confirmadas: diabetes (17), doença cardiovascular (16), hipertensão (11), obesidade (5), doença respiratória (3), doença renal (2), tabagismo/histórico de tabagismo (2), câncer (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Cinco pacientes não apresentavam comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.
Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.

- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.

- Evitar contato próximo com pessoas doentes.

- Ficar em casa quando estiver doente.

- Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.

- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.

- Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

- Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.