RETOMADA

Exercícios físicos individuais com presença de profissional é liberada em parques, praças e orla no Recife

Apesar da liberação, a Prefeitura do Recife afirmou que existem algumas restrições

Exercícios físicos individuais com presença de profissional é liberada em parques, praças e orla no Recife

Prática de exercícios físicos individuais é liberado no Recife com a presença de profissional - Foto: Wellington Lima/TV Jornal

Os parques, praças e a orla do Recife, que já estavam abertos para caminhada, corrida e pedalada, a partir da quinta-feira (02), também estão liberados para os exercícios físicos individuais, de acordo com a Prefeitura do Recife. No entanto, só é permitido com a presença de profissional de educação física, sendo um aluno para cada orientador.

>>Primeiro feriado após retorno das atividades é marcado por desobediência às regras contra o coronavírus

Além disso, ainda segundo a Prefeitura do Recife, também não estão permitidos os usos de equipamentos acessórios às práticas como colchonetes, cordas e outros.

“Você pode fazer sua atividade física de um professor, de um personal, nos equipamentos anteriormente já liberados para essa prática como a orla, parques, praia e beira rio. A condição é: um professor pra um aluno e está proibido o uso de implementos como colchonete, corda, kettlebell, de uso individual compartilhado. Lembrando, é muito importante respeitar a distância de segurança, o uso da máscara será sempre para a sua proteção e a gente precisa contar com a dedicação e o apoio de todos vocês para continuarmos avançando”, explicou a secretária executiva de esportes do Recife, Yane Marques.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Quais são os sintomas?

Os sintomas da COVID-19 podem variar de um simples resfriado até uma pneumonia severa. Sendo os sintomas mais comuns:

  • Tosse;
  • Febre;
  • Coriza;
  • Dor de garganta;
  • Dificuldade para respirar.

Como é transmitido?

A transmissão acontece de uma pessoa doente para outra ou por contato próximo por meio de: 

  • Toque do aperto de mão;
  • Gotículas de saliva;
  • Espirro;
  • Tosse;
  • Catarro;
  • Objetos ou superfícies contaminadas, como celulares, mesas, maçanetas, brinquedos, teclados de computador etc.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.
  • Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.