PRISãO

Operação Capitá: Polícia prende grupo criminoso que pretendia assaltar carro-forte

A Operação Capitá foi conjunta da Polícia Federal e a Polícia Militar de Pernambuco e da Bahia

Operação Capitá: Polícia prende grupo criminoso que pretendia assaltar carro-forte

Material apreendido durante a Operação Capitá, deflagrada pela Polícia Federal e Polícia Militar - Foto: Divulgação

A Polícia Federal e da Polícia Militar deflagraram a Operação Capitá e prenderam, até esta quarta-feira (05), 11 pessoas, por crime de porte ilegal de armas de fogo de uso restrito, receptação, associação criminosa e posse de explosivos. De acordo com a Polícia Federal, o grupo criminoso planejava realizar um assalto a carro-forte nos próximos dias em rodovias entre Juazeiro-BA e Petrolina. 

Os moradores da região informaram que o grupo estava na casa há menos de um mês. Segundo a polícia, eles teriam vindo de São Paulo-SP e apresentavam-se como corretores de imóveis. No local foram encontrados objetos usados nos crimes como armas de grosso calibre, munição, explosivos, escudos e coletes balísticos, celulares e veículos roubados.

Sem Legenda
Divulgação
Operação Capitá, deflagrada pela Polícia Federal e Polícia Militar

A Operação iniciou por volta das 11h da manhã, quando policiais federais e militares cercaram uma casa em Petrolina e o quarteirão próximo. Um dos presos tentou fugir, mas foi preso nas proximidades da uma rodoviária. Já outros suspeitos foram presos quando tentavam escapar por casas vizinhas. 

Investigações

Segundo a Polícia Federal, a investigação teve inicio no mês de março, após a morte do ex-líder de uma quadrilha que atuava no Nordeste, em em confronto com a polícia no Estado de Goiás. Ainda de acordo com a PF, o caso contribuiu para identificar novas lideranças de organizações criminosas.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.