INVESTIGAçãO

Polícia volta atrás em declaração e suspeito de matar o ator Rafael Miguel segue foragido

O delegado-geral de Polícia de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, havia declarado que Paulo Cupertino tinha sido preso

Polícia volta atrás em declaração e suspeito de matar o ator Rafael Miguel segue foragido

O ator ficou famoso ao interpretar o personagem Paçoca, em Chiquititas, exibida pelo SBT, em 2013 - Foto: Reprodução/TV Jornal

O delegado-geral de Polícia de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, voltou atrás após afirmar que o suspeito de matar o ator Rafael Miguel e dos pais dele havia sido preso. Em nova declaração, nesta quarta-feira (28), o delegado contou que Paulo Cupertino suspeito segue foragido desde o crime em julho de 2019. As investigações apontam que Cupertino conseguiu tirar um novo documento de identidade original, mas com informações falsas, na cidade de Jataizinho, no Paraná.

Cupertino teria utilizado uma certidão de nascimento falsa, com o nome de Manoel Machado da Silva, para obter o documento. Uma coletiva de imprensa deve ser realizada pela Polícia Militar para explicar as investigações da morte do ator Rafael Miguel e dos pais dele. 

No ano passado, a namorada do ator Rafael Miguel, conversou com a repórter do SBT / TV Jornal Flavia Travassos. Isabela Tibcherani falou como foi o dia do crime, sobre a relação com o pai, apontado como autor dos homicídios, e se emocionou ao lembrar do namorado.

Relembre o caso

Rafael Miguel teria ido até a casa da jovem para conversar sobre o relacionamento dos dois. De acordo com vizinhos, Paulo chegou ao local atirando na direção de Rafael e dos pais dele e, em seguida, fugiu. Segundo a polícia, o suspeito do crime não aceitava o relacionamento da filha com Rafael Miguel. Ainda de acordo com a polícia, as vítimas estavam na frente da casa, quando o assassino chegou, sacou uma arma e executou a família com 13 disparos. Uma câmera de segurança registrou o momento em que uma das vítimas do ataque ao ator Rafael Henrique Miguel e sua família cai na rua após tiros. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.