SOLIDARIEDADE

Papai Noel dos Correios: últimos dias para adotar cartas; veja como

A campanha Papai Noel dos Correios está chegando ao fim. Veja como adotar uma carta e confira histórias de alguns sonhos de crianças já realizados

Papai Noel dos Correios: últimos dias para adotar cartas; veja como

Em Pernambuco, o prazo para adoção e entrega dos presentes vai até a próxima quarta-feira (23).  - Foto: Divulgação/Correios

A primeira edição 100% online do Papai Noel dos Correios uniu os brasileiros. Na edição de 2020, quando a ação passou por adaptações para dar continuidade, com segurança, em meio à pandemia da covid-19, aproximadamente 100 mil cartas foram disponibilizadas na internet.

Das cartas disponíveis, 75% já foram adotadas.

>> Papai Noel dos Correios ainda tem cartas para adoção; veja como participar

>> Papai Noel dos Correios será digital; veja como enviar e adotar carta

 

Como participar

Padrinhos e madrinhas que ainda pretendem adotar cartinhas ou que precisam levar os presentes aos pontos de coleta devem se apressar. Em Pernambuco, o prazo para adoção e entrega dos presentes vai até a próxima quarta-feira (23). 

Para adotar, basta acessar o blog da campanha Papai Noel dos Correios, clicar em “Seja você Noel” e seguir os passos indicados. Com base na localidade informada, serão disponibilizadas as cartinhas e as sugestões de locais para entrega dos presentes.

 

>> Campanha Natal Sem Fome distribui cestas básicas em Pernambuco; veja como doar

>> Entra Apulso: Brechó solidário no Shopping Recife tem roupas seminovas

>> Live solidária homenageia aniversário de Luiz Gonzaga; veja como doar

>> Espaço Aria inaugura loja de produtos feitos por artesãos em Jaboatão

>> RioMar Online promove campanha 'Natal Solidário' em parceria com o Instituto JCPM; veja como ajudar

 

Presentes com segurança

Os Correios estão recebendo os presentes presencialmente, sempre com atenção aos protocolos de segurança, como uso de máscaras e distanciamento, para evitar aglomerações. As datas, locais e horários de funcionamento dos pontos de entrega, em cada Estado, estão disponíveis no blog da campanha.

Sonhos e esperança

Por mais de 30 anos, a campanha mobiliza empresa, empregados e sociedade em geral, com objetivo de, por meio da escrita, renovar o sentimento de fraternidade entre crianças que vivem em situação de vulnerabilidade social.

Apesar da pandemia do coronavírus, os sonhos seguem vivos no imaginário infantil. O Natal da Dhemille Rianna, de 9 anos, já foi diferente e especial. A menina, moradora de Aparecida de Goiânia/GO, realizou o sonho de ter uma festa de aniversário com o tema do seu desenho preferido: a corajosa Moana, personagem da Disney.

Os padrinhos Rondinely Leal e a esposa Cleia Valadão, decoradora de festas infantis, junto com amigos, capricharam na confraternização, que teve bolo, doces, refrigerante, pipoca e até lembrancinhas para os convidados.

No Paraná, o sonho de Samuel Freitag da Silva, de ganhar uma camisa do time do coração, superou qualquer expectativa. O menino de 6 anos foi convidado pelo padrinho da sua cartinha, o Athletico Paranaense, a receber uma camisa número 11, autografada e personalizada com seu nome, na Arena da Baixada, estádio do clube de futebol.

As crianças também refletiram em seus pedidos a esperança de dias melhores para o futuro, entre eles “que o Natal, em nenhum dia, seja cancelado”, como pede a Maira Severo (8), de Demerval Lobão (PI). Já a Helena de Jesus (9), de São Mateus (ES), confessa que “não vê a hora de retornar para o colégio.”

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.