CORONAVÍRUS

Butantan deve receber nesta semana novo lote de insumos para vacina


O lote foi produzido na China pela biofarmacêutica Sinovac

Com informações da Agência Brasil
Com informações da Agência Brasil
Publicado em 07/02/2021 às 19:00
Tânia Rêgo/Agência Brasil
FOTO: Tânia Rêgo/Agência Brasil
Leitura:

O Instituto Butantan, na capital paulista, deverá receber na quarta-feira (10) um novo lote de insumos, vindos da China, para a produção da vacina CoronaVac, contra a covid-19. Segundo informou hoje (7) o governo do estado de São Paulo, a carga está no aeroporto de Pequim pronta para o embarque.

O lote tem 5,6 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), produzido na China pela biofarmacêutica Sinovac, parceira do Butantan no desenvolvimento da vacina. A matéria-prima permitirá a produção em São Paulo de mais de 8,7 milhões de doses do imunizante, que serão destinadas ao Plano Nacional de Imunizações (PNI).

Na quarta-feira, 5,4 mil litros de IFA foram recebidos em São Paulo da mesma fornecedora, suficientes para a produção de 8,6 milhões de doses da vacina Coronavac. Somadas, as cargas permitirão a fabricação de 17,3 milhões de doses de imunizantes, que começarão a ser entregues ao Ministério da Saúde a partir do final deste mês. A previsão do instituto é que a produção de vacinas contra a covid-19 alcance até 600 mil doses diárias com as duas remessas de matéria-prima.

Em janeiro, segundo o governo de São Paulo, o Butantan entregou 8,7 milhões de vacinas CoronaVac ao Ministério da Saúde. Foram 6 milhões de doses no dia 17, 900 mil no dia 22 e 1,8 milhão no dia 29.

Vacinação em Pernambuco

Mais 118.200 doses de vacina contra a covid-19 chegaram a Pernambuco neste domingo (07). A nova remessa de vacinas da Sinovac/Butantan será destinado aos trabalhadores de saúde. A distribuição para todas as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), que repassam para as cidades sob sua jurisdição, começa na segunda-feira (08). Ao todo serão envolvidos sete caminhões e duas aeronaves, em parceria com a companhia aérea Azul, para agilizar a entrega do imunizante em todo o Sertão do Estado.

> Covid-19: Anvisa retira obrigação de testes no Brasil para autorização de vacina

> Vacina: Veja quando Estados recebem novas remessas da CoronaVac, após Brasil receber insumos para 8,6 milhões de doses

"Essas novas doses nos dará a possibilidade de continuarmos avançando na imunização dos trabalhadores de saúde. Continuamos reforçando a importância de se priorizar aqueles que estão na linha de frente da Covid-19, em áreas como UTI, enfermarias, emergência, mas sabemos que diversos municípios já conseguiram contemplar esse grupo e estão dando seguimento para os mais diversos tipos de trabalhadores, como de outras áreas hospitalares e atenção primária. Nossa meta é que 100% da força de trabalho da saúde seja vacinada e isso será feito assim que o Ministério da Saúde encaminhar as doses que faltam para finalizar essa população", afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Ao todo, Pernambuco já recebeu 427.560 unidades da vacina da Sinovac/Butantan, para ambas as doses, que, além dos trabalhadores de saúde, contemplam 100% dos idosos em instituições de longa permanência, pessoas com deficiência institucionalizadas e população indígena aldeada.

Também já haviam chegado, anteriormente, 84 mil doses do imunizante da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, destinadas a 100% dos idosos a partir dos 85 anos. O quantitativo da AstraZeneca é apenas para a primeira dose - o Ministério da Saúde informou que enviará posteriormente a segunda. Juntando ambos os fabricantes e a nova remessa deste domingo, Pernambuco irá totalizar mais de 511 mil unidades de vacinas contra a Covid-19 recebidas.

Grupos prioritários para receberem a vacina

Até o momento, podem ser vacinados contra a covid-19 são os profissionais da saúde na linha de frente de combate à doença; trabalhadores da atenção básica; idosos acima de 85 anos de idade; idosos acima de 60 anos que residem em instituições de longa permanência (abrigos) e trabalhadores desses locais; pessoas com deficiência severa a partir de 18 anos que moram em residências inclusivas. Confira abaixo como agendar e receber a vacina contra a covid-19.

Como agendar a vacinação?

O agendamento para receber a dose da vacina contra a covid-19 deve ser feita no site Minha Vacina ou no aplicativo Conecta Recife, que está disponível nas lojas de aplicativos para smartphones. Ao entrar no app ou site, é necessário definir qual o seu grupo prioritário e depois definir o dia, horário, local. Em seguida, é necessário anexar comprovante de residência e documento de identificação. Ainda há um formulário para preenchimento de dados como nome completo, CPF, telefone, data de nascimento e endereço.

Ponto para receber a vacina no Recife

  • Compaz Dom Helder Câmara, no Coque
  • Unidade de Cuidados Integrais (UCIS) Guilherme Abath, no Hipódromo
  • Escola Nilo Pereira, em Casa Amarela
  • Compaz Miguel Arraes, na Caxangá
  • Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro
  • Escola Miguel Arraes de Alencar, na Estância
  • Ginásio Geraldão, na Imbiribeira
  • Escola Nadir Colaço, na Macaxeira
  • UPA-E Fernando Figueira, no Ibura

Mais Lidas