saúde

Covid-19: Foto registra superlotação em sala de emergência do Hospital Getúlio Vargas


A aglomeração ocasionada no Hospital Getúlio Vargas é risco iminente para a propagação do vírus da covid-19

Cortesia
FOTO: Cortesia
Leitura:

A Coluna Saúde e Bem-Estar, do Jornal do Commercio, recebeu fotos de superlotação de uma sala de emergência do Hospital Getúlio Vargas, que fica no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste do Recife. As imagens, recebidas na quinta-feira (18), mostram o cenário contrário aos critérios de saúde contra a covid-19 em Pernambuco. De acordo com a apuração do JC, fontes revelaram que a ala em questão está funcionado sem climatização.

De acordo com a nota enviada pela Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES), a direção do Hospital Getúlio Vargas (HGV) informou que "reconhece a grande demanda registrada na unidade, que tem sido agravada pela retração de serviços municipais. O HGV, no entanto, não nega atendimento a nenhum paciente e garante a assistência a todos".

Além disso, a SES informou que o Hospital Getúlio Vargas está com a equipe multiprofissional atuante, abastecida de insumos e realizando exames laboratoriais e de imagem e cirurgias. Em relação às aglomerações, risco iminente da covid-19, a secretário disse que existe um Plano de Contingência para a covid-19 no Hospital Getúlio Vargas.

> Ocupação de leitos pediátricos chega a 75% em Pernambuco e médicos alertam para covid-19 em crianças

"Todo paciente que apresente qualquer sintoma gripal, ou relato de contato com caso positivo de covid-19, é encaminhado para uma área específica da unidade, ficando, assim, isolado dos pacientes que buscam o serviço com outros quadros", diz a nota.

O complemento da resposta sobre a grande quantidade de pessoas na mesma sala conta que ''todas as pessoas admitidas no Hospital Getúlio Vargas, independentemente da área onde recebem assistência, recebem as devidas orientações sobre uso de máscara e outras medidas de prevenção no ambiente hospitalar. Mensalmente a unidade tem realizado em torno de 2,1 mil atendimentos em sua emergência'', concluiu a nota.

Casos de covid-19 em Pernambuco

O balanço divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informou que 1.358 casos da covid-19 foram confirmados, nesta sexta-feira (19), sendo 50 (3,7%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 1.308 (96,3%) leves. Agora, Pernambuco totaliza 288.424 casos confirmados da doença, sendo 32.010 graves e 256.414 leves. Também foram confirmados 24 óbitos, ocorridos entre 09/08/2020 e 18/02/2021. Com isso, o Estado de Pernambuco totaliza 10.804 mortes pela covid-19.

Vacina contra a covid-19

Nesta quinta-feira (18), Pernambuco ultrapassou a marca de 300 mil doses aplicadas da vacina contra a covid-19. Das 309.220 doses, 251.570 delas são relativas à primeira dosagem do imunizante e 57.650 pessoas finalizaram o esquema vacinal.

> Pazuello diz que governo distribuirá 4,7 milhões de doses da vacina até março

> Covid-19: Fiocruz recebe mais 2 milhões de doses da vacina na próxima semana

Foram feitas a primeira dose em 137.134 trabalhadores de saúde, 23.739 povos indígenas aldeados, 5.513 idosos em instituições de longa permanência, 72.052 idosos a partir dos 85 anos, 12.405 idosos entre 80 e 84 anos, além de 727 pessoas com deficiência institucionalizadas.

Mais Lidas