MOVIMENTO

Pastores evangélicos fazem protesto para retorno de cultos no fim de semana no Agreste


Protesto foi realizado nesta quarta (3)

Com informações do NE10 Interior
Com informações do NE10 Interior
Publicado em 03/03/2021 às 16:30
Reprodução/NE10 Interior
FOTO: Reprodução/NE10 Interior
Leitura:

Nesta quarta-feira (3) pastores de 13 igrejas evangélicas de Gravatá, no Agreste de Pernambuco, protestaram em frente à prefeitura. O movimento reivindicava o direito de cultuar aos domingos nas igrejas, seguindo todos os protocolos de segurança contra a o novo coronavírus (covid-19).

>>Covid-19: Confira horários e o que abre e o que fecha em Pernambuco a partir desta quarta-feira (3)

Além disso, o protesto reivindicava que as igrejas e templos sejam considerados pelo Governo de Pernambuco como serviço essencial, a exemplo do que foi determinado pelo governo de São Paulo e pela prefeitura de Angra dos Reis, que decretaram os cultos como atividade essencial, assim como diversos outros serviços das mais variadas categorias.

Comissão

A comissão de pastores foi recebida pelo chefe de gabinete e pelo controlador do município, que discutiram o assunto por cerca de uma hora.

Documento

O controlador garantiu que a prefeitura não pode alterar o decreto do Estado, mas sugeriu que associação elaborasse um documento para que o prefeito possa intermediar junto ao governador Paulo Câmara.

Mais Lidas