CPI da Covid-19

Senador vê possibilidade de duas CPIs para também investigar Estados e Municípios


Senado deve começar a avaliar CPI da Covid-19 nesta terça-feira

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 13/04/2021 às 11:11
Reprodução/Google Street View
FOTO: Reprodução/Google Street View
Leitura:

O senador Lasier Martins (Podemos-RS) participou do programa Passando a Limpo, da Rádio Jornal, na manhã desta terça-feira (13). Na pauta, o parlamentar foi questionado sobre a CPI da Covid-19 e sobre o período em que passou, ele próprio, internado em um hospital tratando o novo coronavírus.

CPI

Na avaliação de Lasier, a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apurar a condução da pandemia do novo coronavírus por parte do presidente Jair Bolsonaro é “cabível”. “A CPI da Covid me parece cabível. É missão do Senado fiscalizar ações ou omissões dos outros poderes”, comentou.

Para ele, no entanto, se o Senador tiver de investigar a atuação de governadores e prefeitos, a CPI precisa ser desmembrada. “Acho que caberia, quando muito, duas CPIs separadas. Hoje à tarde, o presidente do Senado [Rodrigo Pacheco] vai ler o requerimento da CPI e ele deve submeter a inclusão de Estados e municípios à advocacia do Senado. Isso deve retardar [o processo], até que a advocacia se pronuncie”.

Covid

Lasier passou 13 dias internado em um hospital particular. Em casa há 20 dias, o senador ainda se recupera dos efeitos deixados pela covid-19, como certa dificuldade para falar.

Ouça a entrevista na íntegra:

Mais Lidas