DECLARAçãO

Após desejar a morte de Paulo Gustavo, pastor pede desculpas: ''nunca foi intenção do meu coração ferir''

O ator e comediante Paulo Gustavo segue internado em UTI por causa de complicações da covid-19

Após desejar a morte de Paulo Gustavo, pastor pede desculpas: ''nunca foi intenção do meu coração ferir''

Paulo Gustavo está internado com covid-19 - Foto: Reprodução/Globo

Depois de desejar publicamente a morte do ator Paulo Gustavo, o pastor José Olímpio da Silva Filho, da Igreja Assembleia de Deus de Alagoas, pediu desculpas em uma carta destinada ao artista. Há mais de um mês, o ator batalha pela vida em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), por complicações da covid-19. O ator está intubado e, segundo os últimos boletins médicos, apresenta melhora, mas o estado de saúde ainda é grave.

''Peço desculpa, pois nunca foi intenção do meu coração ferir, ofender ou machucar a nenhum dos ofendidos (que são aos milhares), a começar do ator Paulo Gustavo, que foi atingindo diretamente, passando por seus familiares, amigos, admiradores e muitos fãs, pois o mesmo é uma pessoa querida no mundo artístico", escreveu o líder religioso.

Primeiros sinais de recuperação?

a amiga do ator Paulo Gustavo, a cineasta Susana Garcia, que também é médica, revelou que ele "mexeu duas vezes e tentou abrir a boca" durante visita, neste domingo (18). O relato foi compartilhado por Susana Garcia nas redes sociais e contou que Paulo Gustavo tentou se comunicar com ela através de gestos. 

"Te perguntei se você estava me ouvindo e pedi pra você mexer a sua cabeça. Você mexeu duas vezes e tentou abrir a boca. Fiquei de mão dada com você e pedi pra você apertar a minha mão e você apertou fraquinho. Naquele momento, eu percebi que você estava conectado comigo e me ouvindo. Fiquei emocionada com vontade de chorar, mas eu não podia chorar. Respirei fundo e comecei a falar coisas alegres", postou.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.