DINHEIRO

Auxílio Emergencial: novo pagamento nesta sexta-feira (7); veja calendário e quanto recebe


O dinheiro havia sido depositado nas contas poupança digitais da Caixa Econômica Federal no dia 18 de abril.

Gustavo Henrique Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 07/05/2021 às 6:55
Marcello Casal Jr./Agência Brasil
FOTO: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Leitura:

Trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em junho podem sacar, a partir desta sexta-feira (7), a primeira parcela do auxílio emergencial 2021. O dinheiro havia sido depositado nas contas poupança digitais da Caixa Econômica Federal em 18 de abril.

>>>Auxílio Emergencial 2021: liberados saques do mês de maio; veja se tem direito

>>>Calendário do auxílio emergencial 2021: veja se recebe ou saca R$ 150, R$ 250 ou R$ 375 nesta quinta (6)

Os recursos também poderão ser transferidos para uma conta corrente, sem custos para o usuário. Até agora, o dinheiro podia ser movimentado apenas por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Regras
Pelas regras estabelecidas, o auxílio será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social, seja a do auxílio emergencial.

A Agência Brasil elaborou um guia de perguntas e respostas sobre o auxílio emergencial. Entre as dúvidas que o beneficiário pode tirar estão os critérios para receber o benefício, a regularização do CPF e os critérios de desempate dentro da mesma família para ter acesso ao auxílio.

Grupos

Segundo o presidente da Caixa, Pero Guimarães, o Governo Federal, por meio da Dataprev, tem dividido os beneficiários do auxílio emergencial em grupos.

Grupo 1

Um primeiro grupo corresponde a 40 milhões de beneficiários, que conforme o calendário, tiveram os dados aprovados desde o último dia dois de abril e começaram a receber, seguindo o mês de nascimento, a partir do dia seis de abril.

Grupo 2

Já para os 200 mil aprovados no começo de abril, ainda segundo Guimarães, o pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial teve uma alteração no calendário, que pode ser conferida abaixo.

Vale ressaltar, que essas pessoas que estão sendo aprovadas, depois do lançamento inicial do calendário do auxílio emergencial estão inscritas desde o ano passado e com dados sendo cruzados nas bases analisadas pela Dataprev pelo mesmo período de tempo. O governo federal não abriu novas inscrições no auxílio emergencial em 2021.

Grupo 3

Cerca de 206,1 mil trabalhadores informais que corrigiram informações no cadastro foram incluídos na nova rodada do auxílio emergencial, no fim de abril. Segundo o Ministério da Cidadania, foram aprovados 206.126 novos benefícios.

Desse total, 142.531 têm direito à cota de R$ 150 (pessoas que moram sozinhas), 39.719 receberão R$ 250 e 23.876 mulheres chefes de família que sustentam a casa sozinhas receberão R$ 375.

Quem recebe ou saca nesta sexta (7), e quanto?

Após antecipações, o calendário de saques do auxílio emergencial 2021 começou. Sacam a 1º parcela do auxílio emergencial, nesta quinta-feira (6), os nascidos em junho.

Segundo o calendário do auxílio emergencial 2021, a Caixa Econômica pausou o crédito em conta, cujo 1º ciclo, com pagamento da 1º parcela, encerrou. O 2º ciclo, com pagamento da 2º parcela, começa ainda em maio. [Você pode conferir todos os calendários atualizados abaixo].

Bolsa Família

O calendário da 1º parcela do auxílio emergencial 2021 terminou para os beneficiários do Bolsa Família, mas também volta agora em maio.

Quando creditado, o dinheiro pode ser acessado apenas por meio do Caixa Tem, sem necessidade de comparecimento a agência da Caixa Econômica Federal.

  • O auxílio emergencial 2021 tem valores de R$ 250, em média, para o público geral.
  • As mulheres chefes de família monoparental (criam os filhos sozinhas), terão direito a R$ 375.
  • Os indivíduos que moram sozinhos – família unipessoal –, receberão R$ 150.

Como consultar

Após a segunda parcela, esse público será incorporado ao calendário tradicional e receberá a terceira e a quarta parcelas nas datas estabelecidas. A relação dos beneficiados pode ser consultada no portal consultaauxilio.cidadania.gov.br, no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo telefone 111.

Confira todos os calendários

Pagamentos

Ciclo 1

Parcela 1 - Público geral - pagamentos

  • Nascidos em janeiro - 06/04
  • Nascidos em fevereiro - 09/04
  • Nascidos em março - 11/04
  • Nascidos em abril - 13/04
  • Nascidos em maio - 15/04*
  • Nascidos em junho - 18/04
  • Nascidos em julho - 20/04
  • Nascidos em agosto - 22/04
  • Nascidos em setembro - 25/04
  • Nascidos em outubro - 27/04
  • Nascidos em novembro - 28/04
  • Nascidos em dezembro - 29/04

*Começam a receber os beneficiários aprovados em 8 de abril. No dia 15/04, recebem os nascidos de janeiro a maio. Depois, eles seguem o calendário normal.

Parcela 1 - Público geral - saques

  • Nascidos em janeiro - 30/04
  • Nascidos em fevereiro - 03/05
  • Nascidos em março - 04/05
  • Nascidos em abril - 05/05
  • Nascidos em maio - 06/05
  • Nascidos em junho - 07/05
  • Nascidos em julho - 10/05
  • Nascidos em agosto - 11/05
  • Nascidos em setembro - 12/05
  • Nascidos em outubro - 13/05
  • Nascidos em novembro - 14/05
  • Nascidos em dezembro - 17/05

Ciclo 2

Parcela 2 - Público geral - pagamentos

  • Nascidos em janeiro - 16/05*
  • Nascidos em fevereiro - 19/05
  • Nascidos em março - 23/05
  • Nascidos em abril - 26/05
  • Nascidos em maio - 28/05
  • Nascidos em junho - 30/05
  • Nascidos em julho - 02/06
  • Nascidos em agosto - 06/06
  • Nascidos em setembro - 09/06
  • Nascidos em outubro - 11/06
  • Nascidos em novembro - 13/06
  • Nascidos em dezembro - 16/06

*Público aprovado em 27 de abril recebe 1º e 2º parcelas de uma vez, no calendário em que o público normal está recebendo apenas a primeira. A terceira e a quarta serão recebidas segundo os calendários normais do programa

Parcela 2 - Público geral - saques

  • Nascidos em janeiro - 08/06*
  • Nascidos em fevereiro - 10/06
  • Nascidos em março - 15/06
  • Nascidos em abril - 17/06
  • Nascidos em maio - 18/06
  • Nascidos em junho - 22/06
  • Nascidos em julho - 24/06
  • Nascidos em agosto - 29/06
  • Nascidos em setembro - 01/07
  • Nascidos em outubro - 02/07
  • Nascidos em novembro - 05/07
  • Nascidos em dezembro - 08/07

*Público aprovado em 27 de abril saca 1º e 2º parcelas de uma vez, no calendário em que o público normal está recebendo apenas a primeira. A terceira e a quarta serão recebidas segundo os calendários normais do programa

Ciclo 3

Parcela 3 - Público geral - pagamentos

  • Nascidos em janeiro - 20/06
  • Nascidos em fevereiro - 23/06
  • Nascidos em março - 25/06
  • Nascidos em abril - 27/06
  • Nascidos em maio - 30/06
  • Nascidos em junho - 04/07
  • Nascidos em julho - 06/07
  • Nascidos em agosto - 09/07
  • Nascidos em setembro - 11/07
  • Nascidos em outubro - 14/07
  • Nascidos em novembro - 28/07
  • Nascidos em dezembro - 21/07

Parcela 3 - Público geral - saques

  • Nascidos em janeiro - 13/07
  • Nascidos em fevereiro - 15/07
  • Nascidos em março - 16/07
  • Nascidos em abril - 20/07
  • Nascidos em maio - 22/07
  • Nascidos em junho - 27/07
  • Nascidos em julho - 29/07
  • Nascidos em agosto - 30/07
  • Nascidos em setembro - 04/08
  • Nascidos em outubro - 06/08
  • Nascidos em novembro - 10/08
  • Nascidos em dezembro - 12/08

Ciclo 4

Parcela 4 - Público geral

  • Nascidos em janeiro - 23/07
  • Nascidos em fevereiro - 25/07
  • Nascidos em março - 28/07
  • Nascidos em abril - 01/08
  • Nascidos em maio - 03/08
  • Nascidos em junho - 05/08
  • Nascidos em julho - 08/08
  • Nascidos em agosto - 11/08
  • Nascidos em setembro - 15/08
  • Nascidos em outubro - 18/08
  • Nascidos em novembro - 20/08
  • Nascidos em dezembro - 22/08

Parcela 4 - Público geral

  • Nascidos em janeiro - 13/08
  • Nascidos em fevereiro - 17/08
  • Nascidos em março - 19/08
  • Nascidos em abril - 23/08
  • Nascidos em maio - 25/08
  • Nascidos em junho - 27/08
  • Nascidos em julho - 30/08
  • Nascidos em agosto - 01/09
  • Nascidos em setembro - 03/09
  • Nascidos em outubro - 06/09
  • Nascidos em novembro - 08/09
  • Nascidos em dezembro - 10/09

Mais Lidas