CULTURA

Museus do Recife reabrem as portas após entrar em vigor novo plano estadual de convivência com a pandemia

Museu da Cidade, Murillo La Greca e Paço do Frevo foram os primeiros espaços culturais geridos pela Prefeitura do Recife a retomar a visitação do público

Fabiani Vieira Assunção
Fabiani Vieira Assunção
Publicado em 24/06/2021 às 19:01 | Atualizado em 26/05/2022 às 15:05
Andre Rego Barros/ PCR
FOTO: Andre Rego Barros/ PCR
Leitura:

Nesta quinta-feira (24), feriado junino, o Paço do Frevo reabriu as portas, com funcionamento nas quintas e sextas, das 10h às 16h e nos sábados e domingos, das 11h às 17h.

A reabertura aconteceu após começar a vigorar o novo plano estadual de flexibilização das atividades econômicas e sociais, vigente desde a última segunda-feira (21).

Antes do Paço do Frevo, os primeiros espaços culturais geridos pela Prefeitura do Recife a reabrir foram o Museu da Cidade, que passa a receber o público de terça a sábado, das 10h às 16h e o Murillo La Greca, que também retomou a visitação de terça a sexta-feira, das 14h às 17h.

Em todos os casos, os locais adotaram controle de quantidade de visitantes, distanciamento social e obrigatoriedade de uso de máscara.

Novas reaberturas

Também estão autorizados a reabrir o MAMAM, a Galeria Janete Costa e outros espaços de exposição e memória mantidos pela Prefeitura do Recife estão elaborando coletivamente um plano de reabertura e retomada gradual das atividades, cujos calendários serão divulgados em breve.

Já os teatros Barreto Júnior, Hermilo Borba Filho, Apolo, Santa Isabel, Luiz Mendonça e Parque vão lançar editais para a ocupação de suas agendas priorizando a produtores, grupos e artistas com demandas de lives, gravações e programações da Lei Aldir Blanc.

Mais Lidas