INTERDIçãO

Durante fiscalização do Procon-PE, festa particular é encerrada e bar interditado no fim de semana

 O órgão intensificou na sexta-feira (25), sábado (26) e domingo (26) a fiscalização de bares e restaurantes para verificar o cumprimento das medidas restritivas adotadas no Grande Recife, Agreste e municípios do litoral pernambucano


Durante fiscalização do Procon-PE, festa particular é encerrada e bar interditado no fim de semana

Já foram realizadas cerca de 1.380 fiscalizações no ano de 2021, que resultaram em 340 estabelecimentos autuados e 81 interditas - Foto: Divulgação/Procon

O Procon-Pernambuco desarticulou uma festa particular e dois bares foram autuados, sendo um interditado, neste final de semana. O órgão intensificou na sexta-feira (25), sábado (26) e domingo (26) a fiscalização de bares e restaurantes para verificar o cumprimento das medidas restritivas adotadas na Região Metropolitana do Recife (RMR), Agreste e municípios do litoral pernambucano.

Na última sexta-feira (25), um bar no Centro do Recife recebeu um auto de constatação, pois foi constatada a presença de clientes após o horário limite permitido para funcionamento, de 22h. Já no último sábado (26), outro bar acabou autuado e interditado pela equipe do Procon também por funcionar após o horário permitido, que nos finais de semana é de 21h.

"Estamos atentos e atuantes nas fiscalizações todos os finais de semana. A participação da população denunciando ao presenciar qualquer irregularidade é fundamental para que possamos chegar aqueles que estão desrespeitando as normas com mais velocidade e precisão", afirmou o secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico.

Residência

No mesmo dia, os fiscais foram até um residência na Avenida Norte, na Zona Norte do Recife, onde estava sendo realizada uma festa particular de São João, que foi desarticulada. De acordo com o Procon, haviam cerca de 15 pessoas no local evacuado.

>>Procon interdita bar e autua loja no Recife por descumprimento do decreto estadual de combate à covid-19

Balanço

A fiscalização é uma ação conjunta do Procon com a Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Já foram realizadas cerca de 1.380 fiscalizações no ano de 2021, que resultaram em 340 estabelecimentos autuados e 81 interditas.

>>No Recife, society com cerca de 70 pessoas descumprindo regras contra covid-19 é interditado pelo Procon-PE

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.