CHUVAS E FRIO

Bota casaco? Temperaturas em Pernambuco devem cair ainda mais nos próximos dias

O professor da Universidade do Vale do São Francisco e Doutor em meteorologia, Mário de Miranda, explicou as baixas temperaturas registradas

Bota casaco? Temperaturas em Pernambuco devem cair ainda mais nos próximos dias

O frio inesperado vem mudando a rotina dos pernambucanos. - Foto: Elza Fiúza / Agência Brasil

Com informações de Vanessa Moura, do Jornal do Commercio

O professor da Universidade do Vale do São Francisco e Doutor em meteorologia, Mário de Miranda, revelou que até o dia 15 de agosto o Estado de Pernambuco deve registrar temperaturas ainda mais baixas. A declaração foi dada em entrevista ao Passando a Limpo, da Rádio Jornal. Caso isso aconteça, o clima fica sendo o oposto ao que a população pernambucana está acostumada. Ou seja, momentaneamente, as altas temperaturas dão um 'pausa'. 

> Muro desaba após não aguentar pressão das chuvas e destrói casa em Olinda

"A gente espera que até o dia 15 de agosto essas temperaturas caiam ainda mais. Em 2016, a temperatura mínima em Pernambuco em 1º de agosto foi de 13,9ºC, o que é muito baixo pra região. Talvez cheguemos perto disso esse ano", contou o professor e Doutror na entrevista. 

A média diária do Oeste de Pernambuco chegou aos 21,9ºC no dia 24 de julho, número bem abaixo em consideração com os 26ºC registrados geralmente, segundo Mário de Miranda. Leia mais no JC Online.

> Chuvas fortes elevaram nível de água em barragens do Grande Recife, revela diretor da Compesa

"Nós temos tido esse ano uma situação um pouco diferente, que é durante o dia estar nublado e a gente sentir frio. Na região Oeste de Pernambuco, nós já tivemos temperatura de 16,2ºC. É uma situação muito atípica pra essa nossa região, que enfrenta temperaturas mais elevadas", revelou.

Baixa temperatura no Recife

Em relação à capital pernambucana, a meteorologista Maria Aparecida Fernandes, da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), informou que existem vários fatores para influenciar a diminuição da temperatura. A Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata e parte do Agreste de Pernambuco passam pelo sistema meteorológico chamado Distúrbio Ondulatório de Leste (DOL) e, por causa disso, o período chuvoso vai de abril julho.

> Saiba onde encontrar abrigo no Grande Recife e se proteger das chuvas e deslizamentos de barreiras

"Primeiro por causa da nebulosidade, bastante nuvem. Quando está completamente nublado se tem uma menor quantidade de radiação solar. Isso já diminui mais a temperatura. As chuvas mais fininhas já esfriam também, e os ventos que fazem com que a sensação térmica fique mais fria", explicou. Segundo a meteorologista, nos últimos dias, as temperaturas médias não vêm ultrapassando os 30°C no Recife. 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.