defesa

Tandara, da seleção feminina brasileira de vôlei, dá nova versão sobre exame antidoping; confira a nota


Exame antidoping da jogadora Tandara deu positivo para anabolizante ostarina

TV Jornal
TV Jornal
Publicado em 06/08/2021 às 15:01
Agência Brasil
FOTO: Agência Brasil
Leitura:

A jogadora da seleção brasileira feminina de vôlei Tandara Caixeta postou nas suas redes sociais nesta sexta-feira (6), uma nova versão sobre o resultado do seu exame antidoping.

A atleta chegou a deletar a postagem, mas voltou a publicar a nota na rede social.

Nesta sexta, a Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) divulgou comunicado informando que foi constatada a presença da substância proibida ostarina em exame antidoping realizado na atleta em julho passado, antes dela embarcar para as Olimpíadas de Tóquio.

O que diz a nota da atleta?

A defesa da atleta disse, por meio de nota, ser inocente e que o contato com a substância foi acidental.

"Confiamos plenamente que comprovaremos que a substância Ostarina entrou acidentalmente no organismo da atleta e que não foi utilizada para fins de performance esportiva", garante o pronunciamento

Ainda de acordo com o comunicado, "até o momento, sequer foi analisada a contraprova da urina da atleta (amostra B), portanto, salvo melhor juízo, não se afigura razoável qualquer pré-julgamento de uma atleta íntegra, sem quaisquer antecedentes e que há anos contribui para as conquistas do voleibol brasileiro".

Veja abaixo o comunicado completo:

 

Mais Lidas