POLÍCIA

Adolescentes marcam chacina dentro de escola em troca de mensagens na Grande Porto Alegre


O local da chacina seria a escola municipal Fernando Ferrari, de Estância Velha, a 50 km de Porto Alegre.

Com informações do SBT
Com informações do SBT
Publicado em 04/10/2021 às 15:15
Reprodução / Primeiro Impacto
FOTO: Reprodução / Primeiro Impacto
Leitura:

Moradores de um município da Grande Porto Alegre ficaram apavorados depois que a divulgação de uma conversa entre alunos da região relevou uma possível chacina em um dos colégios da cidade. Nos áudios trocados via aplicativo de mensagem instantânea, os jovens planejam a execução do crime. O caso foi exibido no Primeiro Impacto desta segunda-feira (4).

>>>Homem suspeito de amarrar mãe de 77 anos e praticar maus tratos contra ela é preso no Recife

"A gente tava pensando em chegar na escola e ó, desligar as câmeras de segurança, fazer a rapa. Fazer a rapa.", diz um dos alunos em um dos trechos e continua: "Porque eu mesmo, na moral, se eu fosse matar, eu não ia chegar e matar todo mundo."

Troca de mensagens

Em outro trecho, os estudantes comentam que não iriam executar todos, somente os alunos considerados "fofoqueiros" por eles.

"Eu ia nas "pilha" meu. Eu ia matar a metade dos "aluno" chato. Ah cara "cês" vão pegar agora e falar pra professora? Se mano, se vazar essa...eu sei que contou. Eu caço até o inferno."

O local da chacina seria a escola municipal Fernando Ferrari, de Estância Velha, a 50 quilômetros de Porto Alegre. Um dos mais tradicionais e antigos colégios da cidade.

Em nota, a Secretaria de Educação de Estância Velha informou que identificou três estudantes do sétimo ano envolvidos nas ameças. Eles foram afastados da escola e estão recebendo apoio psicológico. Entre outras medidas, a Guarda Municipal vai reforçar a segurança do colégio, e pediu calma aos pais dos alunos que estudam no local.

Entretanto, a mãe de uma das crianças se diz preocupada; "A gente fica com receio porque não é brincadeira."

Mais Lidas