LEILÃO

Leilão online do Detran-PE disponibiliza 462 veículos; saiba como participar

Com lances mínimos a partir de R$ 100, serão leiloados carros e motos conservados ou em estado de sucata

Com informações do JC Online
Com informações do JC Online
Publicado em 07/10/2021 às 19:15
Reprodução / Coliseum Leilões
FOTO: Reprodução / Coliseum Leilões
Leitura:

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) vai realizar, nesta sexta-feira (08), um leilão com 462 veículos disponíveis. Com lances mínimos a partir de R$ 100, serão leiloados carros e motos conservados ou em estado de sucata. O leilão cumpre as determinações do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) o qual versa que, após 60 dias de apreensão, os veículos não reclamados devem ser leiloados.

O 19º leilão de veículos apreendidos pelo órgão acontece às 9h, de forma virtual pelo site da empresa Coliseum Leilões (www.coliseumleiloes.com.br), seguindo todas as medidas do o plano de retomada do Governo de Pernambuco. Os veículos já estão disponíveis para visitação de forma online no site, com vídeos detalhados, só sendo permitida, exclusivamente, a avaliação visual dos lotes, sendo proibida quaisquer outros procedimentos como manuseio, experimentação e retirada de peças.

Edital

De acordo com o Detran, os leilões têm como objetivo inserir o órgão de trânsito na agenda ambiental ao colaborarem para a reciclagem automotiva e para a retirada de veículos abandonados nas ruas. O edital de descrição contendo as especificações e condições da participação do leilão, além de informações gerais sobre o leilão, a exemplo das normas, documentação exigida e taxas de administração a serem pagas pelos arrematantes, pode ser acessado no site do Detran-PE e também no site da empresa Coliseum Leilões.

Pagamento

Vale destacar que o arrematante deverá requerer e pagar pela expedição da 2º via do Certificado de Registro do Veículo (CRV). Cabe a ele também, arcar com o valor dos serviços de Baixa do Gravame dentre outras taxas como a de Licenciamento, a de transferência do veículo e a taxa de Emplacamento. O dinheiro arrecadado no leilão é usado para pagar as dívidas dos veículos apreendidos. Quitados os débitos, o resíduo restante – caso haja – volta para o proprietário anterior do veículo.

Serviço

Mais Lidas