investigação

Pai e filho baleados na cabeça o Cabo de Santo Agostinho: veja o que se sabe até agora sobre o crime

Um dos pontos apurados é se as duas vítimas foram atingidas por engano no Cabo de Santo Agostinho

Publicado em 23/11/2021 às 20:15
Bruno Campos / TV Jornal
FOTO: Bruno Campos / TV Jornal
Leitura:

A morte de pai e filho baleados no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, repercute entre a população. O comerciante e o filho dele de nove anos foram atingidos quando passavam de carro por uma rua no Distrito de Ponte dos Carvalhos. Segundo as investigações iniciais da polícia, eles podem ter sido atingidos por engano. Confira abaixo o que se sabe até agora sobre o caso, pronunciamento do secretário do município e estado de saúde das vítimas. Acompanhe também toda a repercussão no programa O Povo na TV desta terça-feira (23).

Investigações

De acordo com a polícia, criminosos estavam escondidos atrás de um muro e , quando o carro da família passou pelo trecho da rua, eles saíram do esconderijo e atiraram. As investigações apontam que há uma hipótese de os bandidos terem confundido o carro da família com o de rivais. Apesar disso, de acordo com o secretário Pablo de Carvalho, houve uma redução de 20% nos homicídios no município do Cabo de Santo Agostinho.

>Pai e filho de 9 anos baleados no Cabo: secretário diz que houve redução de violência no município

"Esse número é baseado nos estudos do Pacto Pela Vida. A gente está com a menor taxa de homicídios por 100 mil habitantes da história do Cabo de Santo Agostinho e estamos reduzindo em 15% os roubos. A prefeitura está com um forte investimento em segurança, vamos contratar 117 novos guardas e vamos armar esses guardas. Não obstante, vemos que ainda existem grandes desafios a serem vencidos", disse em entrevista à reportagem da TV Jornal.

Tiro de espingarda

O crime aconteceu por volta das 21h30 da segunda-feira (22). O homem de 38 anos tinha acabado de sair de carro do mercadinho dele com a família quando tudo aconteceu. A princípio, apenas um tiro de espingarda teria sido disparado. Tanto o comerciante quando o filho foram atingidos na cabeça Em entrevista à TV Jornal, um operador de telemarketing que mora próximo ao local contou que gangues que disputam o tráfico na área estavam se enfrentando no local durante a noite. O próprio pai dirigiu o carro até o hospital. Veja a reportagem abaixo:

Estado de saúde das vítimas

O pai e o filho foram socorridos para o Hospital da Restauração (HR). De acordo com informações da assessoria do HR, o garoto de 9 anos iria fazer um exame na Fundação Altino Ventura e depois voltaria para a unidade de saúde. O estado de saúde dele estável. Já o comerciante e pai da criança permanece internado na unidade de trauma e em observação pela equipe de neurologia. O estado de saúde dele é grave.

Nota da Polícia Civil

Confira a nota da Polícia Civil, na íntegra, sobre o caso envolvendo pai e filho:

A POLÍCIA CIVIL DE PERNAMBUCO informa que registrou através da Equipe de força Tarefa de Homicídio Metropolitana Sul, na madrugada do dia 23 de novembro, ocorrência de Homicídio – doloso (Tentado). As vítimas, um homem de 40 anos e uma criança de 10 anos, deram entrada em uma unidade hospitalar na Região Metropolitana com perfurações de arma de fogo. Segundo relatos, as vítimas estavam dentro de um veículo, em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, quando desconhecidos os abordaram e realizaram os disparos, fugindo em seguida. As investigações foram iniciadas e seguem até elucidação do crime.

Mais Lidas