Violência

Professor é morto na frente do filho de 7 anos durante assalto a barbearia no Grande Recife


A vítima foi morta com um único disparo que atingiu o rosto do professor.

Catêrine Costa
Catêrine Costa
Publicado em 30/03/2022 às 12:56
Notícia
Reprodução/ TV Jornal
O professor de 36 anos foi assassinado em um assalto a uma barbearia no Cabo de Santo Agostinho - FOTO: Reprodução/ TV Jornal
Leitura:

Um professor de matemática foi assassinado na noite da última terça-feira (29) em uma barbearia no centro de Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife. A vítima teria ido ao local levar o filho de sete anos para cortar o cabelo.

De acordo com o delegado José Luzia, eram 6h da tarde quando um suspeito chegou no estabelecimento e anunciou um assalto. "O indivíduo entra na barbearia, se dirige ao barbeiro e pergunta se a barbearia estava aberta", contou o agente de segurança.

Após o dono do local confirmar o funcionamento, o suspeito se dirige até a vítima e dar voz de assalto. De acordo com o delegado, Charles Farias de Oliveira, 36 anos, não reagiu. Ao entregar o celular, o assaltante disparou contra o professor.

Pai morto na frente do filho

Sem se identificar, o irmão da vítima contou que Charles tinha levado o filho de sete anos para cortar o cabelo. "Ele levou o primeiro filho para cortar o cabelo, quando levou o segundo, aconteceu o que aconteceu", revelou. 

Vítima chegou a ser socorrida

Segundo as investigações, o suspeito efetuou um único tiro de espingarda 12. O disparo atingiu o rosto do professor que ainda foi levado para a Policlínica Jamaci de Medeiros, em Ponte dos Carvalhos, mas ele não resistiu ao ferimento.

O professor deixa esposa, três filhos e uma neta.

Família desolada

A família está desolada, assim como os alunos e os colegas de profissão. 

Charles ensinava matemática e xadrez em uma escola particular que fica no bairro de Prazeres em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife.
Os parentes cobram justiça. "Que a justiça não falhe e não tarde", disse o irmão.

Comentários

Mais Lidas