EMPRÉSTIMO AUXÍLIO BRASIL

EMPRÉSTIMO AUXÍLIO BRASIL APROVADO! Saiba tudo sobre o empréstimo do Auxílio Brasil

Lei do empréstimo Auxílio Brasil foi sancionada na última quarta-feira (3)

Alan Dias
Alan Dias
Publicado em 05/08/2022 às 10:09 | Atualizado em 05/08/2022 às 11:18
Notícia
BRUNO CAMPOS
Empréstimo Auxílio Brasil sancionado por Bolsonaro - FOTO: BRUNO CAMPOS
Leitura:

Após quase 30 dias de espera, finalmente o empréstimo Auxílio Brasil foi sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). 

A medida provisória aguardava aprovação desde o último dia 7 de julho, quando passou pelo Senado e foi remetido à sanção.

Nesta matéria, saiba tudo sobre o empréstimo do Auxílio Brasil e mais:

  • empréstimo Auxílio Brasil;
  • empréstimo Auxílio Brasil aprovado;
  • Bolsonaro sancionou empréstimo Auxílio Brasil.

EMPRÉSTIMO AUXÍLIO BRASIL 

A sanção do empréstimo Auxílio Brasil ocorreu na última quarta-feira (3), mas ainda não está disponível para os beneficiários. 

>>> AUXÍLIO BRASIL AGOSTO: pagamentos começam na próxima semana, CONFIRA.

Isto porque o Ministério da Cidadania ainda precisa traçar as diretrizes do empréstimo Auxílio Brasil.

O ministro Ronaldo Bento, responsável pela pasta, prevê que ainda em agosto o consignado esteja ao alcance dos usuários.

EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS AUXÍLIO BRASIL

O texto do empréstimo Auxílio Brasil prevê que beneficiários do programa possam contratar consignados. 

O projeto institui também que a margem para pagamento é de até 40% do valor do benefício

Assim sendo, tomando por base o valor de R$ 600, quem contratar o empréstimo Auxílio Brasil poderá destinar o máximo de R$ 240.

Visto que R$ 600 é um valor temporário, quando as parcelas voltarem a R$ 400, esse limite passará a ser de R$ 160 para pagar o consignados. 

EMPRÉSTIMO BRASIL VAI SER LIBERADO QUANDO?

Uma vez sancionado, o empréstimo Auxílio Brasil depende apenas do Ministério da Cidadania para poder ser efetuado nas instituições financeiras. 

Vale salientar que o empréstimo Auxílio Brasil também se estenderá a outro grupo de beneficiários.

Os cidadãos contemplados pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC) também poderão contratar os consignados sob as mesmas condições. 

Comentários

Mais Lidas