OPORTUNIDADE

Programa PE no Campus oferta mil bolsas de estudo

TV Jornal

- Pedro Menezes / Divulgação / Secretaria de Educação de Pernambuco

As inscrições para a edição 2019 do Programa de Acesso ao Ensino Superior - PE no Campus abriram nesta terça-feira (15). O programa do Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Educação e Esportes do Estado, disponibilizou nesta edição mil bolsas, sendo 900 para estudantes que optarem por concorrer através da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e 100 bolsas para estudantes que optarem por concorrer através das notas obtidas nas três etapas de avaliação do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE). Os interessados na bolsa terão até o dia 23 de janeiro para efetuar o cadastro, realizado exclusivamente no site da Secretaria. Confira aqui o edital.

Com o objetivo de incentivar o ingresso de jovens de baixa renda às universidades públicas, o PE no Campus atua em dois eixos: mobilização e preparação dos estudantes para que participem do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE), e apoio financeiro, mediante bolsas, aos estudantes de baixa renda da Rede Estadual de Ensino que forem aprovados em instituições públicas de ensino superior da rede pública estadual ou federal localizadas em todo o território nacional.

A bolsa

Os valores serão oferecidos da seguinte forma: uma bolsa no valor de até R$ 950 no primeiro ano e de R$ 400 no segundo ano do curso. A quantia é para ajudar nas despesas do curso, moradia, alimentação e transporte. O objetivo é melhorar as condições de acesso à universidade dos estudantes egressos do Ensino Médio Público pernambucano. Ao longo do ano, a Secretaria de Educação e Esportes do Estado desenvolve uma série de atividades para contribuir com a preparação dos estudantes e para melhoria dos seus resultados nas provas.

“No Brasil, 18% dos estudantes que ingressam em universidades públicas deixam a instituição no primeiro ano, muitos deles por dificuldades financeiras. Bolsas como essas incentivam e apoiam os estudantes mais carentes e garantem novas oportunidades aos jovens. Se estamos trabalhando hoje no Estado de Pernambuco para ter a melhor educação pública do Brasil, precisamos permitir também que esses estudantes possam sonhar cada vez mais alto”, disse Fred Amancio na solenidade.

No ano de 2018, quando foi implementado, o programa contribuiu para que o total de estudantes da Rede Pública Estadual inscritos para o Enem saltasse de 40% para 70%. “Sabemos que muitos jovens passam no vestibular, mas não possuem condições de viver nas cidades para onde foram aprovados e os dois primeiros anos fora de casa são muito difíceis, tanto pela adaptação quanto pela pouca oferta de estágio. É preciso, então, manter o estudante motivado a aprender”, fala o governador Paulo Câmara.

Inscrição

Para concorrer ao PE no Campus, o candidato deve ter estudado todo o Ensino Médio na Rede Pública Estadual e ter concluído, no máximo, há cinco anos; ser atendido pelo Bolsa Família ou ter renda familiar inferior a três salários mínimos; ter residência fixa com distância igual ou superior a 50km da universidade e ter sido admitido em curso de graduação numa instituição de ensino por meio do Enem ou SSA realizado em 2018, com previsão de ingresso para 2019. O resultado da primeira etapa será divulgado no dia 22 de janeiro.

Portaria PE no Campus 2019

Inscrições

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.